RTP

Telespectador da RTP faz queixa de Dina Aguiar

Facebook

A RTP recebeu uma queixa de um telespectador por causa da forma como a pivô Dina Aguiar se despede no final do programa ‘Portugal em Direto’.

Através do Provedor Jorge Wemans, do programa ‘Voz do Cidadão’, Dina Aguiar defendeu-se da queixa.

Incomoda-me bastante a forma como a jornalista se despede quando está a finalizar o programa ‘Portugal em Direto’. A república portuguesa é um estado laico. Há programas nos canais da RTP destinados ao público religioso. O público ateu e não religioso também se deve sentir respeitado pelo canal público“, queixou-se o telespectador Rui Rodrigues.

A jornalista respondeu à queixa: “Eu não sou das pessoas que tem muita crítica. Não tenho muitas críticas… mas claro, quando uma pessoa me critica, como recentemente por causa do “até amanhã, se Deus quiser”, eu respondo às pessoas que eu respeito cada uma das pessoas“, começou por afirmar.

Acho que cada pessoa tem direito à sua opinião e, eu também tenho direito à minha. Portanto, eu quando estou a expor a minha opinião, não estou a violar a opinião de ninguém. Portanto, neste caso, por exemplo, do “até amanhã, se Deus quiser”, eu acredito… eu chamo Deus que é mais fácil, é uma entidade que está em regência, divina, energia cósmica“, concluiu.

Por sua vez o Provedor da RTP, Jorge Wemans, afirmou: “Como explicou a Dina Aguiar, o seu “até amanhã, se Deus quiser” não provém de uma adesão com credo religioso, pretende, apenas exprimir, o desejo íntimo de voltar-se a encontrar com o seu público no dia seguinte“.

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

17
Deixe um comentário

avatar
16 Comment threads
1 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
14 Comment authors
Luis FilipeAraújoJulieta TeixeiraPaulo FernandesLUIZ DIAS Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Sailor
Visitante
Sailor

Se Deus quiser ainda estamos em Portugal. A republica é o regime, uma imposição, até ver…

Jaime Menezes
Visitante
Jaime Menezes

A expressão de Dina Aguiar “se Deus quizer” é usada correntemente pelos crentes e os que têm mêdo ao divino, inculcado desde o antigamente, mas não ofende ninguém . Em regra, a opinião de Jorge Wemans, não é de um Provedor do telespectador que já houve vários dignos dêsse nome. Quando se critica os pivôs, moderadores, dirigentes da RTP (e eu já o fiz) , defende-os e não a aceita. Ele é antes o Provedor da Informação do canal publico.

Ana Maria Vilela de Freitas
Visitante
Ana Maria Vilela de Freitas

A coisa mais estúpida que vi até hoje, “Continue como sempre” este sr. se não lhe agrada veja as notícias noutro canal onde não seja dita a frase que tanto o incomoda. Podia contar-lhe uma história verdadeira que se passou comigo e com outra pessoa que infelizmente já cá não está, mas acho que este assunto é tão caricato que nem merece a pena estat com mais conversa. Bem haja Dina Aguiar e continue assim.

Ana Maria Vilela de Freitas
Visitante
Ana Maria Vilela de Freitas

Discordo deste sr.

José Lucas Dias
Visitante
José Lucas Dias

A Diná Aguiar tem certamente todos os direitos que invoca, que são incompatíveis com o exercício da sua profissão. Não se pode misturar as coisas.
Portugal é um estado laico. Não pode associar as suas convicções ou opiniões com o exercício do seu trabalho público.
Obrigado

José Lucas Dias
Visitante
José Lucas Dias

Lamentável a resposta do provedor. Como é possível desempenhar esse cargo?

José Ferreira
Visitante
José Ferreira

Jose Lucas, eu fiz várias reclamações a esse Senhor, é sempre me respondeu sem qualquer tipo de independência, na minha opinião é mais um tacho que ele tem.

RVdeCebolada
Visitante

Será que esse incomodado com a frase “… se Deus quiser” não tem mais nada que fazer senão tentar incomodar quem é crente será que é uma virgem ofendida e nunca ouviu coisas piores?. Será que não lhe faz impressão o que vai mal neste país e que a Dina Aguiar explicitamente notícia,ou está tudo uma maravilha na cabeça deste reclamante? como alguém dizia peanuts sem importância.

Liberdade pra todos, não só pra alguns
Visitante
Liberdade pra todos, não só pra alguns

Quem não gosta não come. Tb não gosto da imposição q este está a querer fazer, não bastou o Salazar pra imposições?

Pedro
Visitante
Pedro

Esta perseguição constante por parte de ateus odiosos e que tentam manipular a ordem social através de micro acusações e tentativas de censura pessoais é ridícula e fazem parte de uma minoria, mas uma minoria que gosta de ser barulhenta. Mas não se enganem, é simplesmente uma minoria que mais nada tem no seu peito a não ser ódio e uma insatisfação com eles próprios e que se expressam na critíca à sociedade e a tudo o que possam ver nela para atirar pedras ( porque não se enganem , estas pessoas são as mesmas que querem impôr regras de… Read more »

Rosa Fernandes
Visitante
Rosa Fernandes

Isto nem merece comentários…existem outros canais para as pessoas frustradas e conflituosas! Por favor desaparecam…

LUIZ DIAS
Visitante
LUIZ DIAS

Chega a ser hilqriante a estupidez saloia deste mentecapto espectador. A resposta da D. Dina Aguiar brilhante no seu contexto e conteúdo põe assim termo à polémica que o espectador pretendia revelar. Santa ignorância e presunção …

Paulo Fernandes
Visitante
Paulo Fernandes

Na minha terra costuma-se dizer… “Quem não tem mais nada que fazer ou ocupar a cabeça , faz gaiolas… ”
Ainda não percebi bem porquê “gaiolas”, mas acho que também serve para o caso.
Oh valha-me Deus.

Julieta Teixeira
Visitante
Julieta Teixeira

Olá sra. Dna. Dina Aguiar.
Nem vou comentar o telespectador que fez a crítica. Cada cidadão é livre de seguir a sua crença ou religião respeitando a dos outros.
Muitos esquecem-se e na maior parte das vezes nem se vem a saber, (vá-se lá saber porquê) que se faz muita perseguição aos cristãos, inclusivé até se incendeiam igrejas com eles lá dentro, EM PLENO SÉCULO XXI.

Araújo
Visitante
Araújo

Quando haver um apresentador/a muçulmano (já faltou mais) a cumprimentar os tele-espectadores com um “Salaam Aleikum”, “As-salam alaykom”, ou “Sabaḥu Al-Khair”, o que dirão estes fanáticos religiosos, defensores da beata?

Luis Filipe
Visitante
Luis Filipe

Nossa senhora nos valha

Luis Filipe
Visitante
Luis Filipe

Nossa Senhora nos valha, há cada um….

ATV News