fbpx
RTP TVI

Sílvia Alberto fala pela primeira vez sobre a doença da mãe: “Toda ela era amor”

Sílvia Alberto

Índice

Sílvia Alberto esteve à conversa com Manuel Luís Goucha, para o programa ‘Conta-me’, da TVI e falou abertamente do Alzheimer da mãe.

Sílvia Alberto abriu o coração a Manuel Luís Goucha, no ‘Conta-me’ e falou pela primeira vez como têm sido os últimos 15 anos, desde que a mãe foi diagnosticada com Alzheimer.

Em conversa com a estrela da TVI, a apresentadora da RTP1 contou que a mãe é o seu “pilar”. “A minha mãe é doente Alzheimer há muitos anos. É a parte de ti que quebra, é a matriz. É a parte de ti que quebra porque esperavas que ela estivesse aqui para educar os seus netos, e o bem que ela o teria feito. A vida troca-te as voltas. Eu tinha 25 anos quando o diagnóstico precoce da minha mãe saiu. E uma degeneração muito lenta“, começou por dizer Sílvia Alberto.

Nesta história, eu e a minha irmã… por isso dizia que os irmãos estão cá para os momentos menos bons. A minha irmã é extraordinária. Nós precisamos uma da outra, só nós sabemos o que os cuidadores informais passam para lidar com uma doença desta dimensão. Portanto, a partir dos 25 anos, a nossa vida mudou“, acrescentou.

Nós passamos a ser as mães. A tutoria passou. Aquilo que era a função dela connosco de repente inverteu-se e nós passamos a ter a função de proteger a mãe, tratar das subsistências e dos cuidados. E a minha mãe odiaria ouvir esta conversa. Vamos até passar a página”, continuou.

A terminar, Sílvia Alberto referiu: “Toda ela era amor. Toda ela era uma senhora muito distinta, muito tímida e muito discreta“.

O marido

Reservada quanto à sua vida pessoal, Sílvia Alberto revelou como começou a história de amor com Iñigo Pérez, com quem se casou em segredo.

É uma história engraçada“, começou por dizer a apresentadora. “O 2017 começa comigo a ir por aí a fora com o [programa] ‘Danças do Mundo’. Começa comigo em Buenos Aires (…) andava pelo Mundo e estava com esta sede de ir. Estava solteiríssima e meti na minha cabeça que tinha que ir ao Butão e ao Nepal. Decidi que devia meter uma mochila às costas e deixei-me levar”, acrescentou.

A comunicadora fez uma paragem no Vietname e foi quando o conheceu. “Conheci o Iñigo depois no Vietname, numa praia. E foi assim“, revelou.

O namoro ficou marcado pela distância, tendo a apresentadora que fazer várias viagens para ir ao encontro do seu amor.”Voltámo-nos a encontrar já na Europa. E foi assim, depois de muitas pontes aéreas entre Lisboa e Madrid”, rematou.

Leia também: Sílvia Alberto desabafa sobre a doença da mãe: “É parte de ti que quebra, é a matriz…”

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

Adicionar Comentário

Clique aqui para comentar

ATV News

<>