RTP

Júlio Isidro fala do alarmismo à volta do internamento: “Não tendo morrido, foi o meu ensaio geral”

Reprodução RTP

Há dois meses vários órgãos de comunicação social alarmaram o país com a notícia de que Júlio Isidro tinha apanhado um grande susto de saúde. O senhor televisão diz que a situação não era caso para tanto e, com algum humor, reage às mensagens de preocupação que recebeu dizendo que lhe serviram para perceber um pouco como vai ser a reação do público à sua morte.

Vou dizer uma coisa que é uma espécie de humor negro, mas eu acho que foi o meu ensaio geral. Tive um milhão e meio de pessoas a manifestarem-se. Não tendo morrido, é o que eu digo, foi o meu ensaio geral. Ficarei satisfeito se dobrar a palavra, mas não vou tomar conhecimento nessa altura”, ironizou o apresentador em conversa com os jornalistas na apresentação do canal 11, na passada quarta-feira, dia 10 de julho.

Júlio Isidro diz que a informação que passou foi um pouco alarmista. Nega que tenha sido internado de urgência. Tinha ido fazer um cateterismo que é uma coisa mais ou menos como quem vai arrancar um dente. Não é bem assim, mas quase. Fui desentupir as coronárias, que era uma coisa que eu nem sabia que estavam ligeiramente entupidas”, explicou. Conta ainda que só não teve alta mais cedo porque estava um batalhão de pessoas” fora do hospital para tirarem fotografias.

1
Deixe um comentário

avatar
1 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
1 Comment authors
Eumesmo Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Eumesmo
Visitante
Eumesmo

Quando morreres tens 2 milhões a chorar a tua morte…

ATV News