RTP

Jorge Gabriel. «A Praça» faz todo o sentido ser no Porto

Jorge Gabriel completou 50 anos no passado dia 29 de maio. O apresentador começou a sua carreira na SIC, mas em 2002 mudou-se para a RTP para apresentar A Praça da Alegria.

Atualmente faz parte do programa da manhã, A Praça, que é gravada no Porto. Para Jorge Gabriel, faz todo o sentido. «Se todos os programas da manhã fossem feitos em Lisboa, 60 por cento dos portugueses ficavam sem uma montra onde expor a sua voz, o seu trabalho, a sua cultura», começa por explicar à revista TV Guia. Dos resultados conseguidos pelo programa, o apresentador confessa «Nunca estou completamente satisfeito. Acho que posso sempre fazer melhor amanhã.»

Aquando da entrevista, Jorge Gabriel não sabia que José Fragoso ia assumir a direção de programas, mas revelou que o conhece há muito tempo. «Conheço o Fragoso desde o tempo da SIC. Tenho muita confiança com ele. Já jogámos à bola, foi meu chefe de redação na SIC e depois meu diretor na RTP.»

Na entrevista, o apresentador ainda abordou a decisão de o seu pai estar num lar. «Sim, mas há muitos anos que o meu pai sabia que inevitavelmente deixaria de viver sozinho a partir de um determinado ponto da sua existência. Porque as faculdades não eram as mesmas, porque a mobilidade não lhe permitia descer os famosos 72 degraus do prédio onde morava. Um acidente grave, um susto grande, acelerou uma conversa mais séria e fez com que nos deixássemos de propostas. Depois do susto, foi ele quem tomou a decisão de ir para um local onde pudesse estar acompanhado 24 horas por dia com técnicos especializados.»