fbpx
RTP

Herman José revela o que precisa para ser feliz: “Bastava que me subtraíssem 20 anos e acrescentassem 20 milhões”

Herman José, Dois Às 10
Instagram

Herman José revelou os planos para o futuro.

Herman José vai ser o cabeça de cartaz do Solrir 2022, uma maratona com vários humoristas, e revelou onde é que vai buscar a inspiração para conseguir arrecadar tantas gargalhadas.

“Como em quase tudo nas artes criativas, com dez por cento de talento e 90 por cento de muito trabalho”, começou por dizer à Nova Gente.

“Os meus espetáculos são como aquela frase da campanha que o Conselho Europeu promoveu em 1995 para comemorar os 50 anos do fim da Segunda Guerra Mundial: ‘Todos Iguais, Todos Diferentes'”, atirou.

O humorista explicou que não se considera uma pessoa feliz. “De maneira nenhuma. Para ser feliz bastava que me subtraíssem 20 anos e me acrescentassem 20 milhões na conta”.

Para o futuro deixou um desejo: “Tirar um ano sabático para visitar, com tempo, todas as cidades do Mundo que me apaixonam. Aparentemente utópico, mas quem sabe um excelente presente para o meu 80.° aniversário…”.

Leia também: Herman José invade espetáculo de John Cleese e é criticado. Luís Osório manda ‘bicada’ aos portugueses

ATV News

<>