fbpx
RTP

Conselho de Acompanhamento de Parceirias admite continuidade da RTP2

Rtp21 Conselho De Acompanhamento De Parceirias Admite Continuidade Da Rtp2

A reunião entre o secretariado do Conselho de Acompanhamento das Parcerias da RTP2, liderado por Guilherme d’Oliveira Martins  e o presidente do Conselho de Administração da RTP, Alberto da Ponte,  teve como objetivo manifestar a preocupação dos parceiros em relação à  continuidade da RTP2 numa altura de indefinição quanto ao futuro do canal.

Para os responsáveis presentes na reunião a «RTP2 é verdadeiramente a forma como a RTP consegue cumprir o serviço público de televisão»,  e que dá reunião resultaram «sinais claros quanto à continuidade desta cooperação, considerando os benefícios alcançados».

Na reunião entre a administração da estação pública e os parceiros,descrita por fonte oficial da RTP como um encontro que «decorreu num ambiente de diálogo bastante construtivo» ficou reforçada a continuidade da colaboração do Conselho de Acompanhamento através de programas como o «Sociedade Civil», que conta com 118 parceiros e 10 anos de existência.

Fonte oficial da RTP em declaração à agência Lusa disse também que o encontro «decorreu num ambiente de diálogo bastante construtivo». A nova administração da RTP «mostrou total vontade de continuar a colaborar com o Conselho de Acompanhamento, incluindo através do programa da RTP2 Sociedade Civil ».

Para Ponces de Carvalho, «a ideia de passar alguns programas da RTP2 na RTP África e na RTP Informação foi bem acolhida». Concretizando, aliás uma «maneira de veicular a imagem de Portugal como um país actual para os outros mercados». Defendendo a manutenção de programas que sobrevivem de verbas comunitárias, «a RTP2 pode continuar viva quase a custo zero», garantiu.

Um novo encontro entre os dois órgãos ficou acordado para breve.

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

Adicionar Comentário

Clique aqui para comentar

ATV News

<>