fbpx
RTP

Cena de “Os Contemporâneos” gera queixa

Na passada quinta-feira, o programa de humor da RTP1 recriou um casamento homossexual entre um casal cigano. A presidente do ACIDI confessou, ontem, na conferência da ERC, que recebeu várias queixas pelo humor ter brincado com as comunidades.

“Recebemos queixas em relação ao humor que passou ontem [quinta-feira] num canal, que brincava com as comunidades”, revelou ontem Rosário Farmhouse, presidente do ACIDI (Alto Comissariado para a Imigração e Diálogo Intercultural), e foi noticiado pelo jornal “Diário de Notícias”.

«O sketch de humor criava cenas de um casamento gay entre membros da comunidade cigana. No matrimónio, protagonizado por Dinarte Branco e Manuel Marques, o humorista Bruno Nogueira fez de “Joaquín Cortés”, dançando em cima da mesa da boda.», conta o jornal.

Bruno Nogueira esclareceu ao jornal que o objectivo era brincar com um tema actual (o casamento gay, impedido em Portugal) e que o verdadeiro sentido do programa foi procurar uma situação “improvável de acontecer”. Bruno Nogueira esclarece que nem os humoristas que deram vida ao skecth nem os argumentistas tiveram a intenção de atacar ninguém. “Para nós é tão natural como brincar com outra etnia ou mesmo com brancos”, disse.

Questionado sobre se no humor vale tudo, o humorista disse “não”, mas “é normal que o humor afecte algumas sensibilidades”. Sem esperar esta reacção, o humorista frisa que “o objectivo nunca é denegrir, mas sim que toda a gente se divirta … até os próprios visados” .

“Se tivéssemos algum preconceito, a maneira mais interessante para o demonstrar não seria, com certeza, num programa da estação pública às 22:00”, concluiu.

Rosário Farmhouse criticou ainda os media e alertou para o facto de estes, muitas vezes, “criarem estereótipos”.

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of

ATV News