fbpx
RTP

Catarina Furtado preocupada com os filhos

Catarina Furtado

Catarina Furtado está preocupada com os filhos, por os ver privados de uma fase tão importante das suas vidas devido à pandemia.

A apresentadora Catarina Furtado, está preocupada com os filhos e os jovens em geral, por causa da pandemia.

“Veio boicotar-lhes a adolescência, e isso aflige-me, porque tive uma adolescência com muita liberdade. Subitamente, e por causa da pandemia, viram-se privados de tanta coisa”, começa por dizer a apresentadora, acrescentando: “Não falo só da parte física, que afeta mais as raparigas, que adoram abraços, serem amiguinhas e partilharem as coisas, mas de tudo. Porque fica a faltar qualquer coisa.”

Contudo, o rosto da RTP frisa que, neste mundo cada vez mais desigual, os seus filhos “são uns privilegiados”, porque “nada lhes faltou”. “Mas compreendo que viver por Zoom seja um aborrecimento. Se eu estou farta, quanto mais eles.”

Dessa forma, Catarina Furtado está “muito atenta” a tudo o que se passa com eles. “Acham que sou chata”, diz, de sorriso no rosto. “Estão naquela fase em que acham, como acontece com todos os adolescentes, que conseguem resolver tudo sozinhos. E, por isso, tive de me reinventar como mãe, porque sempre fui de estar presente, de beijar, abraçar… E eles, agora, querem outra coisa. É normal.”

Depois de terminado o ‘The Voice Kids‘, Catarina Furtado já tem outros projetos em mão na RTP. ‘É Urgente o Amor’, um programa “ainda secreto” e as 7 Maravilhas de Portugal, são alguns dos próximos projetos. Em setembro, tem em mãos mais uma edição do ‘The Voice Portugal’, para adultos. “Só paro em julho e no início de agosto. Vou aproveitar para estar em família”, remata. 

Leia também: Que momento! João Baião e Diana Chaves recriam ‘Big Show SIC’

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

ATV News