fbpx
RTP

Catarina Furtado afirma: “Se fossem as mulheres a mandar nos países, não havia guerra”

Catarina Furtado

Catarina Furtado venceu a categoria ‘Solidariedade’ na entrega dos Prémios 5 Estrelas e fez uma reflexão sobre a guerra na Ucrânia.

Catarina Furtado foi homenageada na entrega do Prémios 5 Estrelas e, em entrevista ao Holofote, falou sobre a importância desta distinção e prémio na categoria ‘solidariedade’.

“Aquilo que eu mais quero fazer na vida é deixar uma pegada de solidariedade no mundo”, começou por dizer a apresentadora da RTP.  “Tenho a convicção que se fossem as mulheres a mandar nos países, não havia guerra”, rematou.

Leia também: Catarina presta homenagem aos homens no Dia Internacional das Mulheres

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

Adicionar Comentário

Clique aqui para comentar

ATV News

<>