Resumos

Prisioneira: Resumo de 4 a 8 de novembro

Resumo de 4 a 8 de novembro da novela ‘Prisioneira’ da TVI.

Episódio 146

Sabrina diz aos irmãos que o pai está a falar com os raptores. Depois de algum tempo, Samuel desliga, e diz que não passou tudo de uma brincadeira, pega nas chaves e Monique vai atrás dele. Dário partilha as suas desconfianças relativamente a Chaves com Diogo, no momento em que Monique entra e diz que precisa de falar com Diogo com urgência.

Fredy diz a Glória que é muito provável que Samuel tenha de facto falado com os raptores pela forma como este saiu de casa. Diogo conta a Leila que espera notícias de Monique para perceber o que realmente se passou com Samuel. Cecília tenta que Helena veja a preocupação que toda gente sente pelo seu estado de saúde, chega Sílvio e Helena convida-o para almoçar e diz que lhe vai apresentar a Cecília do Acácio. Nisto Cecilia já desapareceu e Sílvio recebe um sms e sai de repente, deixando Helena baralhada.

Murilo conta a James como o seu interesse por Samira o levou a uma situação insustentável e James avisa-o que Telma não é mulher para ser traída, pois pode-lhes causar muitos problemas. Telma está contente por ouvir de Renata que ela e o filho estão apaixonadíssimos quando entra Nevinhas e conta que aconteceu uma desgraça. Samira está caída no chão e é ajudada por Telma, que lhe diz ser ainda muito cedo para voltar para o hostel e que deve ficar lá por casa mais algum tempo. Susete diz às crianças que Samuel ligou para dizer que ficou retido no trabalho, mas que volta assim que terminar o serviço.

Monique tenta que Samuel lhe diga de quem era a chamada que recebeu, mas este insiste na versão que tudo não passou de uma brincadeira. Monique pede desculpa a Glória pelo sucedido no caso de Gustavo e diz que sacou o número que ligou para o telemóvel de Samuel, e as duas decidem confirmar o contato com os dos amigos de Miguel. Murilo entra em casa com um ramo de flores para Telma e esta responde que Samira vai adorar e este fica perplexo por Samira ainda permanecer na sua casa. Eduardo avisa Margarida de estar a comprar uma guerra com Lídia por ser advogada de Vítor.

Entra Leonor descontrolada e vinca que Tomé a enganou estes anos todos porque continua a consumir. Samuel chega a casa e Glória tenta perceber a veracidade do telefonema que Samuel recebeu e este responde que está cada vez mais convencido que foi um amigo de Miguel que se fez passar por raptor. Monique conta que a chamada que Samuel recebeu foi feita através de satélite e por isso impossível de rastrear e Diogo assente que têm de agir. Samuel confessa que fez algo terrível e que agora Miguel pode estar a sofrer as consequências e abraça-se a Glória a chorar.

Acácio questiona Leonor por esta ter dormido no hostel com o filho e ela ignora-o e sai para ir falar com Mário. Tomé abre aporta a Eduardo que lhe diz que o pode ajudar em relação a Leonor. Leonor diz a Mário que vai deixar Tomé porque ele voltou a consumir e avisa-o que ele precisa de ajuda. Eduardo explica a Tomé que Leonor o seguiu e o viu a comprar droga. Tomé nega e conta que foi falar com um contato dele que confirmou ter visto alguém que coincide com a descrição de Murilo a comprar uma grande quantidade de droga. Droga essa, que Tomé suspeita ser a que foi encontrada no seu carro. Eduardo conta a Diogo a conversa que teve com Tomé, confirmando o que Murilo foi fazer ao bairro, quando Diogo o viu. Samuel recebe uma chamada, de alguém que se identifica como Américo, que lhe pergunta se pensou no telefonema que recebeu no dia anterior.

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita.Apple Store Download Google Play Download

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of

ATV News