Resumos

Prisioneira: Resumo de 17 a 23 de fevereiro

Resumo de 17 a 23 de fevereiro da novela Prisioneira da TVI.

Episódio 217

 

Gustavo acorda, amarrado, e pede para Samira o deixar ir que nunca mais o vê, mas esta recusa porque sabe que ele voltaria a tentar mata-la. Renata diz que já não gosta de Sebastião e quer ir com Murilo, este tenta demove-la, mas acaba por ceder e aceitar que ela o acompanhe na fuga. Aparece Telma e dá um copo de vinho a Renata para brindarem. Graça conta a Eduardo que o filho esteve envolvido no rapto de Glória e este chama Graça à razão dizendo-lhe que Tomé é agarrado e facilmente manipulado por dinheiro. Renata adormeceu com o sedativo que lhe puseram no vinho e Murilo despede-se da filha pedindo a Telma que prometa que cuida dela.

Leonor abre a porta a Mário e este revela que denunciou o filho e Leonor abraça-o e diz-lhe que fez o correto. Graça quer ir com Eduardo, aflita por Tomé ter sido detido e Eduardo pede-lhe para ela ir para o hostel. Chaves e Dário não encontram nada no telemóvel de Tomé e este defende-se que está a ser incriminado pelo pai para o tirar do caminho e ficar com Leonor. Vítor e James saem para tratar da fuga de Murilo e esperam que Gustavo, também esteja a caminho. Chaves e Dário analisam a hipótese do que Tomé lhes disse ser verdade, quando entra Eduardo e pede para falar com Tomé. Na iminência da separação, Telma fala na possibilidade de se reencontrarem, mas Murilo desfere-lhe um golpe na cabeça, deixando-a inanimada no chão.

Vítor chega e Murilo justifica que nem ela nem a filha, podem ser consideradas cúmplices na sua fuga, enquanto ele lhe desativa a pulseira. Na PJ, Tomé sente-se ameaçado e vinca a Eduardo que se for preso, denuncia quem o contratou para raptar Glória e que tem provas. Murilo começa a ficar impaciente com a demora de Vítor em desativar a pulseira e este diz-lhe que o circuito tem de ficar intacto para o alarme não disparar.  Eduardo acalma Tomé e diz-lhe que só com a denuncia de Mário não é suficiente para o manterem detido e que no dia seguinte já estará livre. Vítor liberta Murilo, afasta-se e mexe num fio da pulseira, sem que este se perceba.

Eduardo argumenta as razões da denuncia de Tomé quando Chaves recebe a mensagem que o alarme da pulseira de Murilo disparou. Murilo em chamada com James pede explicações para o helicóptero não ter chegado, quando o ouve por cima do telhado e sai a correr. Chaves e Dário arrombam a porta de casa de Murilo empunhando as armas. Eduardo fala com Samira e anui que Tomé é um imbecil e não deviam ter confiado nele, e Samira vinca que Glória só pode ser libertada quando Jamal estiver a salvo e que acabou por deixar Gustavo ir embora.

Telma faz-se de vítima aos inspetores e anui que tentou demover Murilo da fuga, mas que este a agrediu. Telma e Renata respiram de alívio por perceberem que a polícia não faz ideia do paradeiro de Murilo e ficam na esperança do dia em que estejam juntos de novo. Todos ouvem Sílvio a ler a notícia da aparatosa fuga de Murilo e que foi emitido um mandado de captura internacional. Acácio está chateado por Gustavo ter ido embora sem pagar a conta do quarto, quando chega Chaves que fica intrigado com o desaparecimento do piloto. Murilo está satisfeito com o sucesso da fuga e informa Gustavo que já tem o dinheiro na conta e entrega uma carta e a morada de Sally a James.

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of

ATV News