fbpx
Resumos

«Laços de Sangue»: resumo de 30 de junho a 6 de julho

Laçosdesangue «Laços De Sangue»: Resumo De 30 De Junho A 6 De Julho

Laçosdesangue

Capítulo 297 – 30/06/2014

Diana deixa o cemitério discretamente, depois de balear Eunice na cabeça. Quando o segurança volta a olhar para o local onde a patroa estava, vê que ela está estendida no chão. Ao perceber que Eunice foi baleada chama uma ambulancia que lhe presta os primeiros socorros, antes de a conduzir em estado crítico ao hospital. Alheios ao que sucedeu no cemitério, Graciete e António interrogam-se como foi que Diana teve coragem de perseguir a mãe com a intenção de a matar.

Inês é informada pelo segurança que alguém atingiu a mãe e vai ao hospital, tão rápido quanto pode. Ao perceber a gravidade da situação, chora desesperada e culpa o segurança, dizendo que ele não protegeu a mãe. João chega entretanto e acaba por confirmar que Eunice se encontra em morte cerebral.

Diana, por seu lado, regressa feliz a casa, deliciada por ter finalmente acabado com a vida da mãe, que culpa de não a ter procurado, obrigando-a a passar uma vida de dificuldades.

Catarina liga a Diana, mas não consegue falar com ela. Fátima, curiosa, pergunta-lhe se estava a falar com Manel mas a amiga deixa claro que já desistiu de fazer as pazes porque ele não lhe retribuiu as chamadas. Manel, por sua vez, aceita o convite de Sofia para assistir a um concerto.

Gastão conta a Francisca e Freitas que decidiu abandonar a advocacia, lamentando que Diana tenha sido responsável por isso. Aproveita para convidar o novo casal para viajar com ele até à herdade no Alentejo, onde vai visitar Adelaide.

A notícia de que Eunice foi baleada vai-se espalhando rapidamente. Graciete e António ficam horrorizados, pois tinham recebido o perdão de Eunice uma hora antes dela ser baleada.

Jaime prepara-se para gravar com David o programa de culinária para a televisão, quando Isabel telefona a contar a tragédia que vitimou a patroa.

Adelaide diz que é uma ironia que Eunice tenha sido baleada num cemitério. Alzira não esquece o primeiro ataque e mostra-se convencida de que Eunice tinha o destino traçado.

Orlando está cada vez mais triste, depois de ter rompido com Liliana, deixando transparecer o seu estado a Alzira e Domingos.

No entanto, o destino surpreende-o, pois recebe um convite para gerir um negócio de azeite em Itália. Orlando está decidido a aceitar a oferta.

Por outro lado, Gabriela volta a ser indelicada para Sandra, levando a que a empregada se despeça. Gabriela fica ainda mais desesperada, por estar agora sozinha a cuidar de Vasco. Vale a paciência de Lourenço, que acaba por apoiar e acarinhar a mulher.

César apanha Armando no Escondidinho e tenta vender-lhe os dentes de ouro que comprou. O empresário mostra-se muito interessado, mas faz-se difícil. Fátima chega ao café e retira o patrocínio da Campo Rico à equipa de futebol feminino do Ribeirense. Armando não dá parte fraca e diz, sobranceiro, que não precisa do apoio da fábrica de enchidos para nada.

Graciete convida Noémia e as filhas destas para jantar, agradada depois de as conhecer.

Diana confirma que a mãe não vai sobreviver e fica muito bem disposta. É assim que recebe Catarina, quando a amiga regressa a casa. Justifica que não lhe atendeu a chamada, porque não ouviu o telefone, escondendo que nesse momento estava ocupada a assassinar a mãe.

Adelaide não tem dúvidas de que foi Diana a disparar sobre Eunice, enquanto Gastão descrê da eficácia da justiça. Sandra chega triste e conta a Domingos que se despediu. O pai conta que Eunice está às portas da morte. Sandra chora, recordando a perda de Tiago e diz que quer ir ao funeral da mãe do namorado.

Diana é levada pela polícia, por suspeita de ter atentado contra a vida da mãe.

Apesar do desgosto, Inês dá autorização para que as máquinas que sustentam a vida de Eunice sejam desligadas, fazendo com que a mãe morra em paz.

 

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

ATV News