Resumos

«Espelho d’Água»: resumo de 11 a 17 de setembro

Resumo de 11 a 17 de setembro da novela Espelho d’Água.

120º Episódio Editado

 

 

 

Destaque: Sara, diz a Filipa que Rita é capaz de não ter abortado e que só disse a António que tinha abortado para o afastar. Filipa não acredita muito nessa possibilidade mas fica a pensar no assunto.

 

 

 

 

 

Luísa e Rita preparam-se para sair de Aveiro e partir para os Açores.

Filipa tenta fazer um curativo nas feridas das mãos de António depois de ele ter partido um copo enquanto bebia e, sem sequer imaginar porque é que ele está assim, toca na ferida quando sugere que tenham um filho. António diz-lhe que não quer ter nada com ela e muito menos um filho. Acaba depois por revelar que Rita estava grávida e abortou porque acha que ele está casado e feliz com ela. António culpa Filipa de ter sido responsável pela morte do filho que queria ter com Rita.

Sara continua a desconfiar de Fernando e de Carmo mas ele tenta explicar-lhe que não está a ser racional. Que se fosse assim não tinha deixado Carmo no altar para ficar com ela. E pede-lhe para que considere a possibilidade de terem sido Rita ou Luísa as responsáveis pela transferência bancária para os separar. Para Sara essa hipótese não faz sentido.

Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!

avatar
  Subscribe  
Notify of

Quem deve ser salvo?

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close

A Televisão

GRÁTIS
BAIXAR