fbpx
Resumos

«Destinos Cruzados»: resumo de 6 a 12 de janeiro

Destinos Cruzados «Destinos Cruzados»: Resumo De 6 A 12 De Janeiro

Destinos Cruzados

Resumo de 6 a 12 de janeiro da novela Destinos Cruzados.

Episódio 208

Érica sai pela primeira vez, desde que veio do hospital, para contar a Rufino que decidiu aceitar a proposta da Diamantes. Rufino fica muito orgulhoso da namorada e não o esconde. Fernanda entra na oficina a tempo de os ver beijarem-se e fica feliz que eles se tenham entendido.

Guida e Moisés voltam a colocar as suas roupas nas gavetas. Guida está mais determinada que Moisés, que começa a ceder, triste. Moisés confessa a Guida que gosta muito de Emília, ela foi sua mãe e pai, ela é que o fez crescer e ele não gosta de estar chateado com ela. Guida emociona-se e diz que também adora a irmã, cresceram juntas, mas não a pode deixar fazer deles gato-sapato. Entretanto, Emília está na sala a tentar controlar a sua raiva quando Telmo e Luana entram. Emília conta-lhes que Guida e Moisés regressaram a casa e não esconde o seu desagrado. Luana diz que não quer que a mãe volte e Telmo tem uma conversa séria com a filha, na qual lhe diz que a mãe gosta muito dela e que já chega daquele amuo. Luana cede aos argumentos do pai. Mais tarde, Luana vai pedir desculpa à mãe e diz aceitar o seu namoro com Moisés. Guida fica muito feliz.

Lourenço chega a casa e apercebe-se que, nem Bárbara, nem Vicente estão presentes. Lourenço começa à procura deles e repara que as roupas do bebé e da namorada desapareceram. Desesperado, pergunta a Alzira se sabe de Bárbara e a empregada responde que não. Lourenço sai para a rua e encontra Bárbara e Vicente dentro do carro prontos para irem para casa dos pais da rapariga. Bárbara diz a Lourenço que só estavam à espera dele e faz-lhe um ultimato: ou ele vem viver para casa dela, ou nunca mais vê Vicente. Lourenço cede.

É com surpresa que Teté recebe Lourenço, Bárbara e Vicente em sua casa. Primeiro pensa julgar-se de uma visita, mas fica atónita quando a filha lhe diz que se vão mudar para lá. A sós com a filha, Teté pergunta-lhe se é uma boa ideia, Lourenço não parecia agradado com a mudança. Bárbara diz que as coisas serão como ela quer e que Lourenço precisava de se afastar das más influências da mansão. Na sala, Lourenço conversa com Afonso e este diz-lhe que ninguém aguenta aquela situação muito tempo. O amigo diz-lhe que pelo filho está disposto a tudo. Lourenço diz a Teté que tem de ir a casa buscar as suas coisas e Bárbara oferece-se para ir com ele.

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

ATV News