fbpx
Música Famosos

Sónia Tavares lamenta: “Tive de mudar a minha mãe de instituição”

Sonia Tavares Conta-Me 2
TVI

Sónia Tavares falou sobre o confinamento e como os tempos de pandemia têm afetado a sua carreira profissional e vida pessoal.

Sónia Tavares considerou 2020 um ano muito difícil e teme que se 2021 for igual não vai correr muito bem a muitos músicos. Porém, o facto de pertencer ao leque de ‘investigadores’ de ‘A Máscara’ tem ajudado imenso. Ao apresentador e aos colegas não poupou nos elogios.

“Tivemos uma empatia tão engraçada e tão rápida…São excelentes pessoas! Quem me dera já os poder ter conhecido há mais tempo”, começou por dizer Sónia Tavares em entrevista à TV Guia.

A vocalista dos ‘The Gift’ lamentou que o ano passado tenha sido tão atípico. “Foi muito difícil e se, este ano, se voltar a repetir, acredito que seja o fim de muitas carreiras e bandas“, disse, recordando que também o marido é músico e, por isso, é uma dupla preocupação.

O facto de estarem com menos concertos, fez com que a cantora tivesse que tomar uma decisão que lhe custou muito.

Tive de mudar a minha mãe de instituição. A minha mãe é muito velhinha e não pude continuar a pagar os privilégios que ela tinha, onde ela estava, e tive a mudar para outa. As coisas são muito complicadas, mas temos de continuar a trabalhar“, revelou.

Já quanto ao facto de estar em casa, não lhe custa porque é algo que gosta. Sónia Tavares tem aproveitado para usufruir mais da companhia do filho, de oito anos.

Questionada como é que faz para manter um casamento feliz, brinca: “Não sei. Se soubesse, vendia o segredo, também não o ia dizer assim. Aproveitava-me (risos). Não sei mesmo”.

Leia também: Cláudia Vieira sobre isolamento: “Foi tudo muito intenso e massacrante”

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

ATV News