Geral

TDT continua a gerar queixas

O apagão do sinal analógico e a chegada da Televisão Digital Terrestre (TDT) a Portugal foi há mais de cinco anos, mas ainda há pessoas que se queixam da má receção de sinal nos seus televisores.

A DECO revelou ao Correio da Manhã que, este ano, já recebeu 31 reclamações relacionadas com o tema. O número de queixas tem vindo a baixar – em 2016 foram 157 e em 2015 foram 560 – «mas pode não refletir a realidade, até porque as populações mais isoladas não têm muitos conhecimentos sobre como reclamar e, sobretudo, não significa que há menos problemas com a TDT», explicou Ana Tapadinhas, diretora-geral da DECO, ao jornal.

A Associação de Defesa do Consumidor fez medições no terreno este ano e concluiu que «continua a haver má receção de sinal em vários pontos do território. E basta falar com pessoas do Interior para perceber isso», acrescentou Ana Tapadinhas.

A DECO tem reportado os casos à ANACOM – Autoridade Nacional de Comunicações e à PT, operadora responsável pela gestão da rede. Fonte oficial da ANACOM revela que, só no primeiro trimestre do ano, recebeu cerca de 115 reclamações. Porém, reconhece que «a situação tem vindo a melhorar consistentemente».

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close