fbpx
Geral

«Mulheres» perde Emmy para «Império»

Emmy «Mulheres» Perde Emmy Para «Império»
Foto: Emmy Award
Imperio «Mulheres» Perde Emmy Para «Império»
Foto: Emmy Award

Mulheres, produzida pela Plural Entertainment para a TVI, tornou-se na sexta novela portuguesa a concorrer aos Emmy Internacionais na categoria de Melhor Telenovela. Albano Jerónimo, Jéssica Athayde, Fernanda Serrano, Gabriela Barros, Susana Arrais e Paula Lobo Antunes fizeram parte da comitiva e marcaram hoje presença na cerimónia em Nova Iorque.

Na quadragésima terceira edição dos prémios atribuídos pela Academia de Artes e Ciência Televisivas, o galardão foi entregue à novela da TV Globo. Da autoria de Aguinaldo Silva, Império venceu as nomeadas Jikulumessu, de Angola, Mulheres, de Portugal e Ciega a Citas, de Espanha.

Com esta vitória, a Globo e o Brasil totalizam cinco distinções nos prémios que são considerados os Óscares da Televisão. Caminho das Índias venceu em 2009. Seguiram-se O Astro, em 2012, Lado a Lado, em 2013, e Jóia Rara, em 2014.

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

9 Comentários

Clique aqui para comentar

  • Emmy perdeu totalmente a credibilidade. Onde uma novela que tinha vilã que cheirava cuecas, rejuvenescia do nada e vilão inventado na última semana pode ser considerada a melhor do mundo? Que morte horrível a dessa premiação…

    • Eu acho que eles nesta categoria não vêem os episódios todos de uma novela para avaliar, devem ver apenas um ou dois, daí a avaliação ser muito superficial

      Para o ano devemos estar nomeados com “A Única Mulher” e essa tem muito mais hipóteses de ganhar!

  • As novelas brasileiras a mim dão me vontade de vomitar e cada vez tem menos audiências em Portugal no Brasil não sei mas, o Emmy devia ter sido ganho pela novela portuguesa na minha opinião tinha uma boa história e para não falar de cenas fortes e casos reais como a violência doméstica.

  • Até a pior novela brasileira é melhor que uma novela portuguesa, que não é o caso de Império. A fase inicial da novela foi espectacular, com uma fotografia e realização de cinema e excelentes interpretações, a fase final não foi tão boa. Mas sim, Império mereceu o Emmy 🙂

    Não sou a favor da ficção por nacionalidades, sou a favor da qualidade…Portugal nisso tem muito caminho pela frente, mas muito. Reconheço que já tivemos boas novelas, mas poucas infelizmente, como Laços de Sangue e Tempo de Viver.

    • “pior novela brasileira”, na sua perspectiva, inclui aquelas da Record, Band e mais não sei o quê?

      “Não sou a favor da ficção por nacionalidades, sou a favor da qualidade” – o que está um bocadinho em desacordo com a generalização anterior…

      “Tempo de Viver” uma boa novela? Ok…

      • As novelas da Record em termos de fotografia e técnica, têm muito mais qualidade que as nossas, SBT e Band não sei porque nunca vi nenhuma, mas as da Tv Globo são as melhores do mundo.

        Não estou em desacordo, repito sou a favor da qualidade, Portugal em novelas é mediano na minha opinião, mas é bom no teatro por exemplo (o Brasil já não gosto tanto).

        Sim considero Tempo de Viver boa em termos de história e tinha uma vilã óptima, mas é a apenas a minha opinião.

        • Lá está, não podes falar em “novela brasileira” porque há muito mais novelas made in Brazil para além das da Globo. E mesmo essas lembro-me de várias bem péssimas na minha infância, bem piores que muitas portuguesas.

          Considero-o um género “menor”, mas a minha principal referência a nível de novelas são mesmo as norte-americanas de horário nobre da década de 80/90, como “Dallas”. A grande maioria das linhas de argumento que se vêem mesmo actualmente em novelas, sejam brasileiras ou portuguesas, já antes se viram aí. E se as novelas portuguesas são muitas vezes acusadas de copiar as brasileiras, também estas tiram claramente inspiração de ficção norte-americana.

          Sinceramente, nada contra, é a tua opinião e tem de ser respeitada. Mas reago sempre um bocadinho assim quando vejo essa novela idolatrada, porque, para mim, TdV é mesmo a novela portuguesa mais sobrevalorizada de sempre e exactamente pelo oposto: uma vilã que deve ser a mais incompetente de sempre, nunca teve um verdadeiro momento de triunfo; a história do Tubarão que se topava a léguas que ia sendo definida à medida que ia avançando; o resto das personagens no fundo sem grande história, mas todos sem excepção a falarem à pseudo-intelectual, a personagem da Lencastre que se tornou rica sem grande drama, a bêbeda que se curou magicamente no fim, etc.. E o Vilhena até assinou as duas novelas que, para mim, são as melhores portuguesas de sempre a nível de argumento – a velhinha “Terra Mãe” (a melhor de todas para mim) e a mais recente “Ninguém como Tu”. Já TDV marcou o início do descalabro, que se veio a comprovar nas novelas seguintes. Mas claro que tudo isto também é apenas a minha opinião.

ATV News