fbpx
Geral

Morte de Valentina! “Irmão” da menina está em choque e precisa de apoio psicológico

Valentina

O jovem de 12 anos é filho de Márcia, a madrasta que participou no macabro crime ocorrido há uma semana na freguesia de Atouguia da Baleia, em Peniche.

Ainda decorriam as investigações para encontrar Valentina quando, em conversa com as autoridades, o menino revelou pistas cruciais para a resolução do caso. Disse que viu os dois adultos – pai e madrasta da vítima – a entrarem com ela para a casa de banho e que nunca mais a voltou a ver. Confrontado com isso, Sandro confessou que a filha morreu e que escondeu o corpo numa área florestal.

Todo este conjunto de acontecimentos deixou a criança em choque. Está a morar com o pai, ex-companheiro de Márcia, e mal consegue falar. Segundo apurou o jornal Correio da Manhã junto do avô paterno do mesmo, necessita de apoio psicológico. “É um choque muito grande para uma criança com 12 anos. Só espero que ele fique bem da cabecinha“, confessou.

O pai e a madrasta de Valentina estão em prisão preventiva. Novos pormenores sobre o caso referem que a vítima começou por levar com água a ferver nos pés, seguindo-se uma agressão na cabeça e uma tentativa de asfixia. Ficou em agonia durante todo o dia de quarta-feira, 6 de maio. Morreu nessa noite. Na manhã seguinte, foi comunicado o desaparecimento. O corpo foi encontrado no domingo, dia 10.

Uma tortura! Pai de Valentina explica a forma macabra como matou a filha

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

ATV News