fbpx
Famosos Geral

Morreu a atriz e cantora Maria Adelina

Maria Adelina, Casa Do Artista
Instagram

Maria Adelina morreu nesta terça-feira, dia 15, aos 92 anos. A informação foi avançada pela Casa do Artista, instituição onde morava desde 2014.

Com um vasto percurso artístico, Maria Adelina “integrou o elenco de mais de 60 peças, tendo-se estreado, em teatro, na opereta O Passarinho da Ribeira (1946, Teatro Sá da Bandeira) ao lado de Aura Abranches, Luísa Satanela e de Domingos Marques”, como recorda a Casa do Artista em comunicado.

“Inicialmente conhecida por Mary Delly, quando em 1948 foi para o Brasil passou a adotar o nome artístico de Maria Adelina. No Brasil, onde esteve durante seis meses, fez várias revistas e operetas, entre São Paulo e o Rio de Janeiro, e teve um programa semanal na Rádio Globo. Além desta paragem, encantou ainda o público no Canadá, nos Estados Unidos, em África. Recebeu homenagens no Brasil e em Espanha”, acrescenta.

“A Rosinha dos Limões (1954, Teatro Apolo), Há Feira no Coliseu (1959, Coliseu dos Recreios), Ai, Venham Vê-las (1964, Teatro ABC), Zona Azul (1965) ou Lisboa é Sempre Mulher (1968, Teatro Monumental) são algumas das muitas peças de teatro em que participou. Entre as suas últimas presenças em palco, contam-se Felizardo e Companhia, Modas e Confecções (1978), no Teatro Variedades, e Reviravolta (1980), no Teatro ABC”, informa ainda a Casa do Artista.

“Na televisão participou em programas como Riso e Ritmo, Café Concerto, Melodias de Sempre. Protagonizou a série da RTP Mistério Misterioso, realizada por Victor Manuel em 1990. No cinema participou em Fado Corrido (1964) – onde contracenou com Amália Rodrigues e foi distinguida com três prémios para melhor atriz -, em Derrapagem, O Diabo Desceu à Vila e A Recompensa”, lê-se na mesma publicação.

“A discografia também não ficou de fora do seu percurso, contando-se trabalhos como Maria Adelina – O Fado Sou Eu ou Domingos Marques, Maria Adelina. Vivia na Casa do Artista desde 2014. Obrigada pelo legado que nos deixa. Até sempre”, finaliza.

O funeral de Maria Adelina realiza-se às 12:00 horas desta quinta-feira, dia 17, na Igreja de São João de Deus, seguindo depois para o Crematório dos Olivais.

Leia também: Herman José recorda Raul Solnado: “Exemplo que me inspirou e que me esforço por seguir”

Adicionar Comentário

Clique aqui para comentar

ATV News