fbpx
Geral

Mãe faz apelo após filho de 5 anos ficar infetado com Covid-19: “Vou morrer mamã?”

A proliferação de histórias dramáticas em torno do novo Coronavírus tem levado à partilha de histórias na primeira pessoa através das redes sociais. Depois da história dramática de Oscar Haro, responsável da formação satélite da Honda no Mundial de MotoGP, que se viu obrigado a abdicar da vida do pai porque o ventilador fazia falta a um jovem, eis que Lauren Fullbrook, de 30 anos, partilhou a história do seu filho. 

O filho da inglesa, de apenas cinco anos, foi hospitalizado com COVID19, tendo o seu estado de saúde se deteriorado rapidamente. A mulher, que chegou a temer pela vida do filho, foi,nessa altura, confrontada pela pergunta do filho sobre se iria morrer.

Em choque com o estado de saúde do filho e com a pergunta que a criança lhe havia feito, a mulher recorreu às redes sociais para sensibilizar e alertar os pais para o facto de até as crianças saudáveis poderem ser infetadas com o vírus.

“Ele começou a ficar um pouco rouco na segunda-feira e eu deduzi que seria de ter engolido água com cloro na sua aula de natação. Depois começou a ter uma tosse seca e piorou na terça-feira. A sua temperatura aumentou subitamente na noite de terça feira, para os 38,4, por isso não o mandei à escola. O Alfie dizia constantemente que estava bem, que se sentia bem, algo normal nele. Mas na quinta-feira a temperatura atingiu os 42,3, e não baixava. Ele não comia, mal bebia e não se conseguia mexer. Liguei para o 111 (112) e eles mandaram uma ambulância, mas disseram que o hospital estava tão cheio que não o podiam levar. Baixaram-lhe a temperatura e disseram-me que se a temperatura voltasse a subir para ligar para o 999”, começa por escrever a mulher.

Depois de terem estado internados até 20 de março, mãe e filho voltaram para casa com rígidas restrições de isolamento.

Recorrendo às redes sociais, Lauren deixou um apelo a todas as pessoas: “Por favor, fiquem em casa. O que importa se não puder fazer as coisas normais? Quanto mais cedo se fizer o distanciamento social, mais cedo isto irá terminar. Não estou a publicar por atenção ou simpatia, só quero que as pessoas fiquem em segurança. Por favor, pense na sua saúde e na dos outros”.

Covid-19. Óscar Haro desabafa: “Pediram-me autorização para deixar morrer o meu pai”

Edit:: Thank you to everyone for their kind words and good wishes, and overwhelming support. Alfiepops is starting to…

Publicado por Lauren Fulbrook em Sábado, 21 de março de 2020

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

ATV News