fbpx
Geral

GNR justifica-se das acusações de impedir salvamento de animais em canil

pan-incendio
Reprodução Facebook

Dezenas de animais morreram carbonizados num abrigo em Santo Tirso. Populares acusam a GNR e a proprietária do espaço de ter impedido que as pessoas ajudassem e a revolta não pára de aumentar. Face às críticas, as autoridades resolveram reagir nas redes sociais. 

“Enquanto o incêndio deflagrava, ainda durante a tarde, a ação da GNR foi essencial para permitir que tivessem sido resgatados, com vida, a maior parte dos cães. Lamentavelmente, a dimensão do fogo e a grande concentração de animais naquele local, impediram que tivesse sido possível resgatar todos os animais com vida, tendo sido recuperados alguns já sem vida”, lê-se.

“Os bombeiros combateram o incêndio, conseguindo evitar que o espaço ardesse todo, havendo condições para que os restantes animais permanecessem no local até que se resolvesse a situação, sendo retirados apenas os animais feridos, por indicação do veterinário municipal”, continuam, salientando que a proprietária do terreno avisou-os que populares queriam aceder ao local.

“Pelo facto de, àquela hora, já não existir urgência, uma vez que a situação estava já a ser tratada pelas entidades competentes e por se tratar de propriedade privada, os militares da Guarda impediram os populares de aceder ao espaço”, acrescentam, reforçando que as consequências trágicas deste fogo não tiveram qualquer correspondência com o facto da Guarda ter impedido o acesso ao local por parte dos populares.

Porém, são muitos os que acusam a GNR de estar a mentir e ser vergonhosa toda esta situação. “Vergonha é a única palavra para descrever a vossa atuação!”, “Nojentos não honrais a farda que vestides”, “Os vídeos (vários!!!!) existentes mostram que não foi nada disso que se passou… Até o vereador já assumiu que não foi assim que se passou… A sério? Acham que somos otários?!?” e “Mentirosos”, servem a título de exemplo. 

Santo Tirso – Esclarecimento sobre o resgate de animais em incêndio florestalA Guarda Nacional Republicana esclarece…

Publicado por GNR – Guarda Nacional Republicana em Domingo, 19 de julho de 2020

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

1
Deixe um comentário

avatar
1 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
1 Comment authors
António Coutinho Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
António Coutinho
Visitante
António Coutinho

A GNR esqueceu-se de uma coisa: É que os animais valem muito mais que certas pessoas que por aí andam. Fosse em terreno público ou privado, a GNR deveria ter solto todos os animais e/ou permitido que os populares o fizessem. A GNR deverá ser julgada pelos vários crimes que cometeu. A impunidade não deverá sair vencedora e estes crimes deverão ter um castigo exemplar. A GNR portou-se de uma maneira nojenta e criminosa.

ATV News