fbpx
Geral

GfK provoca alterações nas audiências do Brasil

Audiências Gfk Provoca Alterações Nas Audiências Do Brasil

Audiências

À semelhança das mudanças que ocorreram em Portugal, no ano passado, a alemã GfK prepara-se para entrar no mercado Brasileiro, o que, desde logo, fez com que a atual medidora das audiências da televisão do país – Ibope – fizesse alterações nos seus serviços.

De acordo com o que o Jornal Folha de São Paulo divulgou, o Ibope pretende aumentar a amostra de medição de audiências no Brasil. Atualmente com 4.500 domicílios, a empresa já propôs aos seus clientes chegar aos 5.850 domicílios. Esta ampliação vai originar um custo adicional de R$10 milhões/ano (cerca de 3,500 milhões de euros).

Ao que parece, a GfK pretende chegar ao mercado brasileiro com uma amostra de 8.000 domicílios, o que é substancialmente superior ao painel audimétrico do Ibope. Sem confirmar que a alteração no painel se deve à chegada da GfK, o Ibope refere que se tratou de um pedido dos seus clientes.

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

2 Comentários

Clique aqui para comentar

  • A GfK só entra no Brasil se a Globo tiver a certeza de que aumenta a audiência. Em São Paulo, estado de referência no mercado, o canal perdeu bastante audiência (embora as concorrentes, regra geral, também) e quer voltar a médias acima dos 16/17 pontos. Noutros tempos, outras empresas tentaram entrar no mercado audiométrico mas, por bloqueio da Globo, não duraram muito tempo.

ATV News