Geral

Emigrante vai a batizado em Portugal e infeta aldeia com coronavírus

Linhares da Beira - Duarte Chaves

150 pessoas da aldeia Parada, em Almeida, estão em recolhimento depois de terem ido a um batizado e uma das convidadas — uma emigrante de 78 anos — estar infetada com o novo coronavírus.

O problema não foi o contacto durante o batizado, porque durante a cerimónia ela não esteve praticamente com os convidados. O problema foram as visitas que fez à família e amigos nos primeiros dias após o regresso“, revelou ao CM um familiar da emigrante.

Após os primeiros sintomas, a mulher isolou-se, garante a mesma fonte.

Presidente da Câmara de Ovar desmente números da DGS: “Situação continua muito complicada”

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

ATV News