fbpx
Geral

Beatriz Lebre tinha cinco marcas de vergastadas na zona da cabeça

Facebook

Fez de tudo para sobreviver, mas Rúben Couto não cedeu e acabou por agredir até à morte Beatriz Lebre, a jovem por quem estava apaixonado. 

Beatriz Lebre usou as mãos para proteger a cara e os cortes no pulso deixam a certeza que a jovem fez tudo para lutar pela vida. De acordo com o Correio da Manhã, o relatório do médico legista junto ao processo (ainda não é autópsia) refere cinco vergastadas na zona da cabeça.

A arma do crime, um objetivo pontiagudo que foi usado como ‘chicote’, foi apreendido. O corpo da jovem estudante só será devolvido à família quando os médicos legistas terminarem a autópsia. De recordar que o corpo da jovem foi visto por um popular no Tejo a 3 km do local onde Rúben atirou o corpo.

Assim que o jovem entrou na sala de audiências começou a chorar e não conseguiu dizer uma palavra. A defesa do suspeito requereu que fosse feita uma perícia psiquiátrica, para perceber se este estaria sob efeito de um qualquer surto psicótico quando matou a colega.

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

1
Deixe um comentário

avatar
1 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
1 Comment authors
Raul Soares Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Raul Soares
Visitante
Raul Soares

E eu continuo a perguntar,o gajo ainda está vivo?????????

ATV News