fbpx
Famosos

Nova polémica com a TVI! Judite Sousa magoada com o que “lhe fizeram” na época da morte do filho

Judite Sousa

Judite Sousa quer esquecer a CNN Portugal e a TVI. A jornalista não perdoa o uso das imagens do velório do filho na época em que estava “medicada”.

A saída de Judite Sousa da CNN Portugal continua a dar que falar e a jornalista assumiu a uma amiga que não quer saber de mais dinheiro nenhum da Media Capital e que continua magoada com o que “lhe fizeram” na época da morte do filho.

Esta amiga de Judite Sousa garante à ‘Tv Guia’ que esta continua indignada com o facto de a missa de velório do filho ter sido emitida “sem a autorização da Judite ou conhecimento”. De acordo com esta fonte, “isto, sim, é que devia merecer revolta e indignação. Nunca se viu em Portugal. A gravação de uma missa de velório. O aproveitamento da morte de um jovem com fins comerciais. Isto, sim, é que é desprezível. Isto, sim, é que remete para princípios e valores.”

Depois da polémica saída da CNN Portugal e as graves acusações de Judite Sousa ao canal de informação, eis que surgem novos “desabafos” partilhados por esta amiga da jornalista à referida publicação, sobre factos que aconteceram há oito anos. “Ela estava medicada e não teve perceção de nada. Só há seis meses a Judite tomou conhecimento da peça que passou no Jornal das 8”, conta.

“Se da TVI disserem que ela autorizou, ela não se lembra de nada desses dias. Mas, mesmo que o tivesse feito, essa pergunta nunca poderia ser colocada a uma mãe que acaba de saber que o filho estava em morte cerebral”, acrescenta.

Porém, as queixas não se ficam por aqui. “Duas semanas depois [da morte], apresentaram [TVI] a fatura do funeral à mãe… Primeiro, faturaram em audiências. Depois apresentaram a fatura que foi paga: 7 mil euros em 2014.”

Leia também: Judite Sousa em férias de sonho: “O seu André vibra, ao vê-la a aproveitar a vida!”

Adicionar Comentário

Clique aqui para comentar

ATV News

<>