fbpx
Famosos

Meghan Markle queixou-se por não ser paga para fazer digressões para a família real

Meghan Markle
Instagram

Meghan Markle lamentou-se sobre o facto de não ser paga por fazer digressões para a realeza quando ainda fazia parte do núcleo sénior da família.

Meghan Markle queixou-se sobre o facto de não ter sido paga para fazer digressões enquanto membro trabalhador da realeza.

“Nem acredito que não estou a ser paga por isto”, terá dito a mulher do príncipe Harry na sua primeira ‘tour’ no outono de 2018, meses após ter dado o nó.

A revelação é feita agora no livro ‘Courtiers: The Hidden Power Behind the Crown’ de Valentine Low no qual são feitas revelações polémicas sobre o príncipe Harry e Meghan Markle.

À época, o casal viajou pela Austrália, Ilhas Fiji, Tonga e Nova Zelândia. Apesar das alegadas queixas, Meghan deixou uma boa impressão ao público australiano, tendo o seu lado informal conquistado os presentes, tendo mesmo esta chegado a oferecer a uma família de agricultores um pão de banana que ela própria tinha confecionado. Mas segundo o aturo, nos bastidores, a “história era outra”.

“Embora ela tenha gostado da atenção, a Meghan não conseguiu perceber o objetivo destes passeios e dos apertos de mão a inúmeros estranhos”, conclui.

Leia também: De volta a casa, Meghan Markle ensina lição de vida ao filho

Adicionar Comentário

Clique aqui para comentar

ATV News