fbpx
Famosos

Mariza desabafa sobre a dislexia do filho: “Ele sofreu de bullying, foi mal tratado na escola…”

Mariza, Filho, Mãe

Mariza desabafou sobre a dislexia do filho, Martim.

Mariza foi entrevistada por Francisco Pinto Balsemão no podcast ‘Deixar o Mundo Melhor’, do Expresso e abriu o coração para falar sobre a dislexia do filho, Martim, de 10 anos.

“Não é um pesadelo, nós termos um filho que tem défice de atenção completamente fora do normal. Ele tem dislexia e é hiperativo”, começou por dizer.

A artista recordou que o filho chorava quando via a carrinha da escola a chegar. “E eu dizia: ‘Mas o que é que se passa? Porque é que choras? Não gostas da escola? Alguém te faz mal na escola?’. Ele não me conseguia explicar porque estes miúdos que têm estas problemáticas, eles têm uma vontade tão grande de agradar, que não conseguem depois dizer o que sentem. Têm medo de ficar mal, de fazer mal e de desagradar a pessoa de quem gostam”, explicou.

A mãe da artista alertou-a para o facto de que o filho, na altura com oito anos, ainda não sabia ler.

“Ele sofreu bullying na escola, foi mal tratado na escola. Até que uma grande amiga minha, que tem um filho com autismo, com 28 anos, me disse: ‘O meu filho tem autismo e não é nem de perto, nem de longe o problema que o teu filho tem. Portanto, se o meu filho, com 80% de incapacidade, lê, escreve, trabalha no computador, o teu filho também tem de aprender'”, contou.

A partir desse momento, Mariza contratou uma professora privada para ensinar o menino depois das aulas, e mudou-o para uma escola pública. “Há dias em que eu sinto que ele está cansado, mas no espaço de um mês ele estava a ler e a escrever. Há fórmulas de ensinar, tem que se dedicar, tem que se ter cuidado, tem que se estar presente e eu não estava. Sou muito sincera, com o trabalho, eu achava que estava tudo bem e não estava”, confessou.

No final ainda deixou vários elogios às escolas públicas, referiu que apesar de às vezes terem “um ambiente menos bom”, as escolas públicas “são boas e os miúdos aprendem”.

Martim vai fazer 10 anos e está a frequentar o segundo ano de escolaridade.

Leia também: Mariza sem saber o que dizer ao filho: “Perguntou: «e agora, mamã?». Como se eu soubesse”

Tags
Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

Adicionar Comentário

Clique aqui para comentar

ATV News

<>