fbpx
Famosos

LGBTfobia: “miúdo” grita com Rui Maria Pêgo e diz-lhe que “é uma vergonha”

Rui Maria Pêgo, Lgbtfobia
Instagram

Rui Maria Pêgo foi surpreendido no Dia Internacional Contra a LGBTfobia.

Rui Maria Pêgo exibia um saco com as cores da bandeira arco-íris, referente à comunidade LGBT, quando um “miúdo com 16 anos” gritou para que ele parasse. O episódio foi relatado pelo filho de Júlia Pinheiro, esta segunda-feira, na rede social Instagram.

Estava eu a tirar esta fotografia e um miúdo com 16 anos gritava-me do outro lado da rua: «Parem lá com isso, c*ralho. Isso é uma vergonha!». Melhor exemplo não poderia haver. A LGBTfobia está viva e tem raízes também em quem ainda nem vota“, contou.

É óbvio que não inventaram esses ódios sozinhos, mas este mini episódio que não passou de uma exibição pouco explosiva para os seus amigos e, sobretudo, ineficaz, é revelador. O bullying homofóbico, bifóbico e transfóbico continua intenso nas escolas portuguesas“, lamentou.

Rui Maria Pêgo revelou ainda que fez parte de um webinar da DGE, recentemente, e que “as percentagens envergonham qualquer país civilizado“. “O preconceito está vivo, sabemos, e morde de maneira diferente consoante o privilégio. Nada de novo aqui. Há ainda muito a fazer“.

Leia também: Manuel Luís Goucha é alvo de comentário homofóbico e dá resposta à letra

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

ATV News