fbpx
Famosos

Leandro acusado de agredir uma mulher. As duas versões da acesa discussão

Leandro
Instagram

Leandro está a ser novamente acusado de agressão. Mulher contou todos os detalhes e cantor defendeu-se.

Primeiro foi a ex-companheira do cantor, Sury Cunha, a acusá-lo, depois as notícias de uma troca de agressões físicas com o atual marido da ex, agora é a vez de uma mulher. A TV7 Dias falou com algumas pessoas que assistiram a tudo no passado dia 3 de novembro, em Odivelas, no salão de estética gerido por Doina Stratulat, a mulher do cantor.

“Foi um grande aparato, foi uma coisa feia. Eram gritos e porrada. O Leandro estava furioso, de cabeça perdida com duas mulheres”, disse um dos vizinhos.

Já a ‘vítima’ contou que tem um acordo com uma empresa que pertence ao cantor e foi com uma colega solicitar o livro de reclamações ao salão de estética. “Nós questionámos a senhora que lá estava se ali era a sede da empresa”, começou por contar a vítima à TV7 Dias, que não quis identificar-se.

A senhora, que percebeu mais tarde que era a mulher do Leandro, respondeu a dizer que ali eram os escritórios, mas ia telefonar ao responsável. O cantor chegou e começou aos gritos para saírem dali.

A lesada questionou se ele não queria saber o que a trouxe ali e ligou para a polícia. Em resposta, Leandro atirou o telemóvel dela e partiu-o.

“Tu chamas a polícia e eu mato-te”, recordou a vítima as palavras que ouviu do jovem cantor. A mulher contou  ainda que quando este lhe tirou o telemóvel ficou com o dedo anelar negro.

“Eu só queria ver se a minha colega estava bem, entretanto eu já estava no chão, lembro-me de ele me pisar a barriga, ainda tenho a camisola com a marca dos pés dele”, recordou, acrescentando que bateu com a cabeça no balcão e foi ameaçada duas vezes de morte.

A mulher acusou ainda que nem a mulher dele, nem o sócio que chegou depois fizeram nada. “E depois vai para a televisão fazer-se de vítima“, acusou, acrescentando ainda que já a ameaçaram que as fãs iam dar cabo dela.

Um funcionário de um restaurante próximo contou que a mulher de Leandro estava com o filho mais novo ao colo e pediu-lhe para ele ajudar. O homem não tem dúvidas que se tratou de um comportamento violento, pois ele empurrou-as.

Já Leandro dá outra versão da história. O artista contou que elas queriam cobrar uma dívida que não era da empresa dele. Ao telefone, ele pediu para elas saírem porque não podiam estar mais pessoas na loja e sem máscara.

Quando chegou ao local, elas estavam a gravar a conversa com um telemóvel e uma com provocações se ele lhe ia bater. Já a outra tentou roubar-lhe a carteira.

O cantor contou que o sócio reconheceu a mulher e disse que tinha passado uma situação semelhante há um tempo. “É mais um psicopata que veio tentar a sua sorte”, disse Leandro, garantindo que tudo não passou de um teatro da parte dela.

“Houve agressões mas da parte dela. Nem sequer lhe toquei com as mãos”, disse, garantindo que se atiraram para o chão. Rematou com a certeza que tudo se vai resolver tudo em tribunal.

Leia também: Cláudio Ramos sem medo de Teresa Guilherme: “Eu sou o Cláudio, não sou outra pessoa”

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

ATV News