fbpx

Judite Sousa faz desabafo sentido sobre a vida: “Roma tem sido um ponto de fuga sem memórias íntimas”

A Televisão
2 min leitura

Judite Sousa utilizou as redes sociais para eternizar algumas memórias de um país que admitiu ser um “ponto de fuga”. A escritora decidiu desabafar sobre o porquê de gostar tanto de Itália.

Roma tornou-se na minha vida um local de visita constante, sempre que possível. Recentemente, em Londres, jantando com um colega de trabalho, falávamos de viagens e do que elas representavam nas nossas vidas, não apenas para saciar conhecimento, mas revisitar com desvelo o que a vida tem para nos oferecer enquanto a nossa existência física o permitir“, começou por escrever Judite Sousa, na legenda da publicação feita no Instagram.

E, a propósito, eu referi que, nas minhas memórias de sangue, tenho evitado Paris e procurado Roma pela simples razão de que os meus pensamentos mais sofridos não me conduzem à capital italiana. Perceberão o que as minhas palavras significam. Ou seja, Roma tem sido um ponto de fuga sem memórias íntimas. E, por isso, não hesito em regressar“, explicou.

E de rever a sublime VILLA Borghese com o seu Barroco plasmado nas obras de Rafaello, Bernini e Caravaggio. É demasiadamente belo e enriquecedor. Brevemente, Roma“, rematou Judite Sousa.

Rapidamente os comentários surgiram. “Adoro Roma“, “Adoro Itália, mas a minha cidade preferida é Florença! E estou a aprender italiano, que estou a adorar” ou “Aproveita“, são alguns exemplos de mensagens deixadas pelos fãs.

https://www.instagram.com/p/CsL9j1Ws5yT/

Relacionado: , ,
Siga-me:
Redactor.