Famosos

Joana Câncio critica falta de apoio dado às mães

A atriz Joana Câncio recorreu às redes sociais para tecer duras críticas ao mercado laboral, uma vez que está sem emprego desde que o pequeno Lourenço, de nove meses, nasceu. 

A atriz, que deixou a sua vida profissional em stand by para criar os seus dois filhos, utilizou o Instagram para um longo texto onde apontou o dedo à falta de apoio dada a uma mulher após a gravidez.

“Este amor cresce tanto, mas tanto… Continuo sem trabalhar. Não se tem tanto trabalho quando temos mais filhos e não temos uma ‘Babá’. Quando somos nós que cuidamos, lavamos a roupa, vamos buscar à escola, damos banho, cozinhamos, tratamos quando estão doentes”, escreveu.

A atriz prosseguiu ainda dizendo que “Não dá muito jeito porque podemos faltar ou ter de sair a meio de um dia de trabalho. Não é tão económico nem tão produtivo contratar uma mãe com dois filhos. Não há grandes apoios, nem grandes ajudas”.

“As estradas são importantes, mas e os hospitais? Os prédios são importantes, mas e o apoio escolar até aos três anos? Não há escolas gratuitas. Como é suposto colocarmos os nossos filhos na escola se não temos trabalho? Como é suposto garantirmos o melhor para eles se quem está a liderar não garante os nossos postos de trabalho?”, perguntou.

A atriz tem partilhado uma série de fotografias e vídeos do seu quotidiano como mãe.

View this post on Instagram

Este amor cresce tanto, mas tanto… Continuo sem trabalhar. Não se tem tanto trabalho quando temos mais filhos e não temos uma "Babá". Quando somos nós que cuidamos, lavamos a roupa, vamos buscar à escola, damos banho, cozinhamos, tratamos quando estão doentes. Não dá muito jeito porque podemos faltar ou ter de sair a meio de um dia de trabalho. Não é tão económico nem tão produtivo contratar uma mãe com dois filhos. Não há grandes apoios nem grandes ajudas. Contamos com os nossos e passamos as passas do Algarve como tanta, tanta gente. As estradas são importantes, mas e os hospitais? Os prédios são importantes, mas e o apoio escolar até aos 3 anos? Não há escolas gratuitas. Como é suposto colocarmos os nossos filhos na escola se não temos trabalho? Como é suposto garantirmos o melhor para eles se quem está a liderar não garante os nossos postos de trabalho?

A post shared by Joana Câncio (@joanacancio_oficial) on

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita.Apple Store Download Google Play Download

ATV News