fbpx
Famosos

Joana Amaral Dias vai de férias com os filhos para a Madeira e é arrasada: “Mau exemplo!”

Joana Amaral Dias Filhos
Instagram

Joana Amaral Dias decidiu ir de férias com os filhos para a ilha da Madeira e acabou por ser arrasada pelos seguidores.

Nas suas redes sociais, Joana Amaral Dias explicou o motivo que a levou a ir de férias. “Tenho o hábito de fazer férias em janeiro e, sempre que pude, procurei fazê-las na praia, com sol e sal (em 2020 levei os putos a Cuba). Este ano tinha deixado esse costume de parte, posto que estamos no meio desta catástrofe”, começou por dizer.

Joana Amaral Dias continuou: “Mas depois as escolas fecharam e voltei a ficar numa situação complicada, posto que as minhas actividades profissionais não são compatíveis com tele trabalho sequer”.

Com os miúdos em casa, achei que o melhor era, afinal, tirar mesmo férias. Depois de muitas peripécias e dificuldades, lá conseguimos vir para a Madeira. Organização covid impecável, bom tempo, natureza exuberante e criançada o dia todo ao ar livre, algumas pessoas nas ruas. Nada mau. Estamos gratos”, concluiu.

Fãs criticam a atitude de Joana Amaral

Os fãs deixaram várias críticas à atitude da política. “Mau demais o seu exemplo… Se todos desatassem a decidir que queriam ‘continuar’ com os seus rituais nunca mais nos livraríamos desta situação! Atitude altamente reprovável quanto a mim… Ou então não divulgue! Grande exemplo!” foi uma das reações.

“‘Admiro’ esse confinamento. Estou a ser cínica. Para quem aponta o dedo a gente, vir para aqui falar em férias é no mínimo criminoso e gozar com o resto dos portugueses. Os outros pais se têm de ir trabalhar, deixam os filhos em casa. E, sim… Há o teletrabalho. Falar para as câmaras é possível de casa”, atirou outra seguidora.

As críticas não ficam por aqui. “Mau exemplo! Face ao estado das coisas e ter uma dita ‘função essencial’ tenho as minhas crianças, ambas na instrução primária, confinadas sem sair de casa (tal como lógico e amplamente difundido) desde que as aulas foram interrompidas, faz amanhã duas semanas”, escreveu outro seguidor.

O mesmo internauta explicou o seu raciocínio: “Este testemunho é só mais um exemplo de muitos, os que factualmente contribuíram para o estado a que as coisas chegaram! Podemos estar todos no mesmo “mar” mas seguramente não estamos todos no mesmo “barco”. Muito mau exemplo a não espelhar mais uma vez a desgraça alheia!!”

Leia também: Ana Guiomar e Diogo Valsassina em partilha divertida: “Vens com isso para a sala?”

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

ATV News