Famosos

Famosos atacados depois de irem a evento pelo clima

Instagram

A Google organizou, pelo sétimo ano, um evento que reuniu as personalidades mais conhecidas e influentes do planeta Terra. Atores, políticos, empresários e investidores estiveram três dias num resort na Sicília para discutir o clima e a melhor forma de ajudar na sua preservação. 

Ora, depois de ter sido conhecida a viagem do príncipe Harry para a ilha italiana num jato privado, sabe-se agora que estiveram estacionados no aeroporto de Palermo, o mais próximo da unidade hoteleira Verdura Resort, 114 jatos estacionados utilizados pelas celebridades. A informação é avançada pelo jornal Giornale di Sicilia e está a deixar as redes sociais em alvoroço com muitos a acusar os presentes de hipocrisia.

A Euronews fez as contas à poluição gerada pelas aeronaves e concluíu que num voo de Nova Iorque para a Sicília num destes aparelhos gera cerca de 4,24 toneladas de CO2, uma quantidade imensa de dióxido de carbono para deslocar apenas uma ou duas pessoas, cuja preocupação é reduzir as emissões de CO2.

No entanto, além dos jatos privados, houve quem se tivesse deslocado em helicópteros e iates, o que aumenta drasticamente a pegada de carbono.

Certo é que a conferência custou aproximadamente 20 milhões de dólares e reuniu personalidades como o ex-presidente dos EUA Barack Obama, o ator Leonardo DiCaprio, o CEO do Facebook Mark Zuckerberg, a estilista Diane Von Furstenberg, o cantor Harry Styles e os duques de Sussex.

 

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of

ATV News