Famosos

É desconhecido o paradeiro de fotografias tiradas a Marilyn Monroe morta

Reprodução: Getty Images

O canal Fox News estreou este domingo, 18 de agosto, o documentário dividido em três parte ‘Scandalous: The Death of Marilyn Monroe’ e traz consigo revelações surpreendentes sobre o momento em que foram captadas fotografias da atriz no interior da morgue.

A história foi contada para o documentário pelo filho do fotojornalista Leigh Wiener, Devick. O filho revelou que o pai acedeu à morgue para fazer as fotografias da atriz já sem vida e do ambiente em seu redor depois de oferecer aos responsáveis umas garrafas de whiskey.

O trabalho daquele dia rendeu cinco rolos de fotografias completos, mas só três acabaram por ser vendidos à revista Life, os outros dois permaneceram na posse do fotojornalista por este considerar ser material pouco digno para ver a luz do dia.

Escondidos, mesmo da família, Devick confidenciou no documentário que não sabe onde estão as imagens, uma vez que o pai, falecido em 1993, não revelou o local onde as guardou numa tentativa de preservar a imagem da diva.

Recorde-se que Marilyn Monroe morreu em agosto de 1962 na sequência de uma overdose de barbitúricos.

ATV News