Famosos

Depois do acidente de viação, Pedro Santana Lopes poderá ter um traumatismo torácico

Pedro Santana Lopes e Paulo Sande sofreram esta tarde um acidente de viação, ficando feridos. Segundo o INEM, os dois políticos podem ter sofrido um traumatismo torácico e um traumatismo craniano, respetivamente. 

O presidente do partido Aliança, Pedro Santana Lopes, e o cabeça de lista às eleições europeias, Paulo Sande ficaram feridos, esta tarde, num acidente de viação, na autoestrada 1 (A1), na zona de Leiria, enquanto seguiam de Coimbra para Lisboa.

De acordo com as informações que o INEM disponibilizou à agência Lusa, ambos foram transportados para os Hospitais da Universidade de Coimbra para serem examinados. Pedro Santana Lopes, a quem lhe colocaram um colar cervical e que se queixava de “dores no peito”, seguiu de helicóptero enquanto Paulo Sande foi de ambulância.

Após os exames será possível confirmar as suspeitas da equipa médica no local do acidente. Segundo a equipa, Pedro Santana Lopes poderá ter sofrido um traumatismo torácico e Paulo Sande um traumatismo craniano.

Apesar do susto, a fonte do INEM afirmou à Lusa que ambos estão “estáveis e conscientes”, depois do acidente que se registou pelas 17h30 e que deixou Santana Lopes “encarcerado dentro do carro”.

Paulo Sande explicou ainda que regressava com Santana Lopes de uma iniciativa de campanha em Coimbra. O líder do partido conduzia a viatura quando se despistaram, tendo o carro capotado “várias vezes”.

As ações de campanha marcadas para esta quarta-feira e quinta-feira foram canceladas.

 

ATV News