fbpx
Famosos

Ator Gérard Depardieu indiciado por crimes de violação e agressão sexual

Gérard Depardieu

O ator francês Gérard Depardieu foi indiciado pelos crimes de ‘violação’ e ‘agressão sexual’ no passado dia 16 de dezembro. O ator francês contesta a decisão.

A informação é avaçada pela Agência France Presse (AFP). O avogado do ator lamentou à mesma fonte que esta informação “se tenha tornado pública”.

O ator francês “contesta totalmente os factos de que é acusado”, segundo defendeu o advogado.

Queixa foi apresenta em 2018

Um juiz de instrução parisiense decidiu reabrir as investigações relativas a uma violação alegadamente cometida pelo ator Gérard Depardieu.

A queixa foi apresentada, em agosto de 2018, por uma jovem atriz e bailarina, que acusa o ator de agressão e violação nos dias 7 e 13 de agosto do mesmo ano, em Paris.

Em junho de 2019, o Ministério Público francês concluiu que a investigação “não permitiu caracterizar os delitos denunciados em todos os seus elementos constitutivos”. Apesar disso, a vítima apresentou recurso, o que fez reabrir o processo. Gérard Depardieu já veio a público negar “categoricamente qualquer agressão sexual e violação”.

Leia também: Big Brother! Sónia explode com Savate: “Vai tomar o comprimido”

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

ATV News