fbpx
Famosos

Agir criticado por causa das tatuagens: “Não pode fazer parte da raça humana”

Agir
Instagram

Agir foi acusado de sofrer de “algum tipo de distúrbio mental” por causa das tatuagens que tem no corpo.

Exmo. Senhor, alguém como V. Exa., que mutila o corpo gratuitamente, só pode sofrer de algum tipo de distúrbio mental“, assim se lê no início de uma mensagem privada que Agir recebeu, na rede social Instagram, e que decidiu expor publicamente.

Numa sociedade que procura o bem estar do ser humano, a mutilação não faz sentido e não pode ser justificada com práticas de outras raças. Assim tenho de concluir que não pode fazer parte da raça humana e merece ser tratado como tal. Seja feliz e deixe-se de palermices“, surge ainda no mesmo aviso.

Surpreendido, o cantor partilhou publicamente o conteúdo que lhe foi dirigido e esboçou uma pequena resposta. “Ao trabalho que esta gente se dá. Fazer um perfil falso para dizer disparates destes. Tempo livre a mais, certamente“, lamentou.

Leia também: Luís Jardim crítica artistas portugueses e Agir atira: “A falta de noção…”

Tags
Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

Adicionar Comentário

Clique aqui para comentar

ATV News