Cabo

Polícia poderá ter deixado escapar suspeito de rapto de Maddie

The Disappearance of Madeleine McCann continua a dar muito que falar. A britânica que desapareceu na Praia da Luz tem sido alvo de muito interesse desde a estreia do documentário na Netflix e eis que alguns espectadores dizem ter descoberto que houve um suspeito do rapto da menina que nunca chegou a ser interrogado.

O suspeito é um antigo funcionário do resort Ocean Club, de onde a menor desapareceu, e dá pelo nome de Euclides Monteiro. O homem, que era imigrante, foi despedido da estância por roubar clientes, tendo sido apenas investigado em 2013, mesmo depois de ter morrido em 2009, num acidente com um trator.

Os investigadores acreditam que o antigo funcionário é a chave para cinco casos de agressão sexual com crianças estrangeiras no Algarve, em 2004, bem como do desaparecimento de Maddie em 2007, num ato que poderá ter acontecido por vingança do antigo patrão.

O antigo funcionário esteve por perto dos apartamentos de férias, no entanto não foi interrogado por não constar na lista de funcionários do Ocean Club.

Na altura, Luísa Monteiro, a viúva de Euclides, mostrou-se revoltada com as notícias. “É nojento que estejam a culpar um homem que já morreu. É muito fácil culpar alguém que não se pode defender. O meu marido nunca seria capaz de cometer um crime destes”, disse ao ‘The Mirror’.

17
Deixe um comentário

avatar
11 Comment threads
6 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
15 Comment authors
Fernando SilvaSandra caldasFlaviaJoao JesusCarlos Manuel Ribeiro Monteiro Silva Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Nuno Monteiro
Visitante
Nuno Monteiro

O que as pessoas todas deviam fazer era ver a série na Netflix, ou melhor , Portugal deveria comprar está série documental para passar em Portugal, e como vivemos num país de velhos deveria ser dublada em português ( mas português não brasileiro que aparentemente é outra língua) , porque o mal que os ingleses falam da PJ, da praia da Luz , do nosso povo, e com aquilo que se ignorou e ignora em outros desaparecimentos de jovens e crianças no nosso país seja em busca como investigação comparado com o que se gastou com este show, onde todas… Read more »

Beatriz Verena
Visitante
Beatriz Verena

Mais um furo jornalistico ! Bastou um documentário edulcurado, orientado por bons psicologos e realizado à medida dos corações sensiveis e supostamente independente para relançar um tema que faz movimentar milhões .

Altino
Visitante
Altino

As polícias que façam uma investigaçãp mais aprofundada á mãe da menina. Ai estará a chave do desaparecimento.

Nadinny
Visitante
Nadinny

Pq somente a mãe, mas o pai não?

Marc Herminio
Visitante
Marc Herminio

Deixaram escapar quando os pais entraram no avião e mais não digo.

MARIA FIALHO
Visitante
MARIA FIALHO

E que pensar de pais que, sistematicamente, drogavam os filhos para ir para farras emborcar copos? Se fosse em Inglaterra e noutras classes sociais, tinham-lhes tirado as crianças. Maddie não teria morrido – por soporífero, por abandobo e rapto, por queda, fosse lá o que fosse. Somos nós o 3.o mundo e eles os civilizados? Tenham vergonha!!!

Carlos Eufemia
Visitante
Carlos Eufemia

Muito bem, Nuno Monteiro. É isso mesmo.

Vilma
Visitante
Vilma

Vou responder, dizendo que todos têm razão.
Só não ver quem não quer. Estou acompanhando a série e percebe-se muito bem que esses pais são cúmplices. O comportamento da mãe é estranho, sempre com o ursinho na mão, parece mais uma encenação do que propriamente uma mãe que perdeu uma filha. É uma pena que seja tarde pra desmascarar esses pais… ( ou teria ainda como ser feito isso?). As evidências estão no próprio documentário.

Mariângela Cunha
Visitante
Mariângela Cunha

Todos têm razão e mais. Por que o único sítio que a polícia jamais pode fazer buscas foi o cemitério da igreja dos britânicos? Com o facto de os cães pisteiros terem apontado cheiro de cadáver no carro usado pela família tudo suporta a tese do inspetor Gonçalo Amaral a quem tudo fizeram para desacreditar. A pobre menina morreu acidentalmente e para não perderem a guarda dos outros filhos o casal mentiu. Como uma mentira acaba por puxar a outra e mais outra tudo vira uma grande avalancha

Hugo
Visitante

Ja pensaram que os pais tiveram a chave da igreja durante uns dias e conheciam o padre e que a criança pode estar por lá ?

Fernando Silva
Visitante

Temos a melhor polícia judiciária da Europa. Em condições normais já o caso estaria arrumado
Infelizmente esta encontra sse limitada na sua ação por se tratar de uma igreja…

Carlos Manuel Ribeiro Monteiro Silva
Visitante
Carlos Manuel Ribeiro Monteiro Silva

É nojento esse povo de merda, tentam desacreditar a nossa policia, montando um show onde os mais culpados lucram mundos e fundos…. sinto muito pela menina, mas na minha convicçao os unicos culpados sao os pais.. pois como ja foi provado, eles davam sonoriferos aos miudos para assim irem para a bebedeira e bacanais onde eram clientes assiduos…. sao uns porcos, mentirosos e vivem á custa deste show montado….

Sandra caldas
Visitante
Sandra caldas

A policia deixou escapar foi varios suspeitos :os pais e os amigos dos Maccann que de tudo fizeram para sairem impunes da morte da Maddie.. Cambada de negligentes, assassinos

Joao Jesus
Visitante
Joao Jesus
Visitante
Flavia
Visitante
Flavia

É muito triste ver que além de perder a filha, que tanto procuram até os dias de hoje, tenham que lidar com estes tipos de comentários infelizes, promovidos por um louco que não faz capaz de lidar com a própria incompetência em elucidar o caso à época. Lamentável!

Sandra caldas
Visitante
Sandra caldas

Flavia, voce acredita no quer, mas se acha que os pais estao inocentes, entao voce é muito ceguinha

ATV News