fbpx
Cabo Globo

“Onde Nascem os Fortes” estreia dia 6 de Janeiro

Uma história de amor, paixões, ódio e perdão, ambientada no sertão nordestino. O desaparecimento de um jovem é o ponto de partida de Onde Nascem os Fortes, supersérie assinada por George Moura e Sergio Goldenberg e com direção artística de José Luiz Villamarim, que tem estreia marcada para o dia 6 de janeiro, às 22h20, na Globo.

“Na estrutura narrativa da supersérie, elegemos três forças motrizes: a terra, o céu e o coração em movimento”, antecipa George Moura. “Partindo do folhetim clássico, a trama de um amor impedido por uma tragédia, desenvolvemos uma história com desdobramentos que mostram o Brasil tal como ele é hoje”, acrescenta Sergio Goldenberg a respeito de Onde Nascem os Fortes.

Onde Nascem Os Fortes

A História de Onde Nascem os Fortes

Os irmãos gémeos Maria (Alice Wegmann) e Nonato (Marco Pigossi) partem do Recife para Sertão, cidade natal da mãe, Cássia (Patricia Pillar), em busca de novas trilhas de mountain bike. No regresso, Maria conhece Hermano (Gabriel Leone), um jovem paleontólogo por quem se apaixona. Nonato, por sua vez, envolve-se numa acesa discussão num bar da cidade com Pedro Gouveia (Alexandre Nero), após seduzir Joana (Maeve Jinkings), a amante do empresário. O jovem é retirado à força do bar e nunca mais é visto a partir desse momento.

O desaparecimento de Nonato transtorna Maria, que decide iniciar uma busca pelo irmão por toda cidade, com a ajuda de Hermano. Sem notícias de Nonato, vê-se obrigada a contar a verdade à mãe Cássia, que está no Recife. Apesar de ser natural do Sertão, Cássia não visita o local há mais de 20 anos e nunca explicou muito bem por que motivos não gosta da cidade.

A notícia de que Nonato está desaparecido, no entanto, leva a engenheira química a regressar. A primeira pessoa com quem se cruza assim que chega à cidade, é Pedro Gouveia, longe de imaginar que o empresário pode estar envolvido no desaparecimento do seu filho.

Tudo muda com o testemunho de Adauto (Nanego Lira), o dono do bar onde Nonato e Pedro tiveram uma grande discussão. O comerciante teme depor contra Pedro, já que ele é o homem mais poderoso da cidade, mas acaba por ser induzido a fazê-lo quando recebe uma visita do juiz Ramiro (Fabio Assunção), rival de Pedro e primo da mulher do empresário, Rosinete (Debora Bloch), por quem foi apaixonado na juventude.

Em Onde Nascem os Fortes, o juiz é parceiro de Plínio (Enrique Diaz), delegado de Sertão, e tenta usar a sua influência para prejudicar Pedro no decorrer das investigações. Mas Plínio também mantém boas relações com Pedro, que, no sentido inverso, tenta convencer o delegado a não levar a sério os indícios de que ele possa estar envolvido no crime.

Inconformada com o desaparecimento do irmão, Maria decide tirar satisfações com Pedro, que nega qualquer envolvimento no caso. A situação descontrola-se e, com medo de ter o mesmo destino de Nonato, Maria decide fugir para o Lajedo dos Anjos, comunidade do líder religioso Samir (Irandhir Santos). É lá que conhece Simplício (Lee Taylor) e Mudinho (Démick Lopes), a quem se une para descobrir o paradeiro do irmão. Admirado com a determinação de Maria, Simplício acaba por apaixonar-se loucamente pela jovem.

Desesperada por não ter notícias dos dois filhos, Cássia instala-se novamente em Sertão. Fascinado com a beleza da engenheira, Ramiro aproveita-se deste momento de fragilidade para aproximar-se dela. Mas o objetivo de juíz é também usá-la no ataque ao seu inimigo, ao tentar convencê-la de que foi Pedro o responsável pelo desaparecimento de Nonato. 

Onde Nascem os Fortes “É muito interessante porque o George Moura criou personagens míticos, de um Brasil mítico também. Um representa a justiça, o outro o poder, o dinheiro, a violência, o sonho. Os personagens têm essa característica”, analisa a atriz Patrícia Pillar, que veste a pele de Cássia.

Já o ator Alexandre Nero, que interpreta Pedro em Onde Nascem os Fortes, salienta que o público pode esperar “imagens lindas”, “uma linguagem cinematográfica e poética”. “Pode esperar também muitas surpresas, muitas coisas que não podemos dizer ou contar, os segredos, que são a parte principal da trama: o que aconteceu com Nonato? Quem foi o responsável por isso? Entre outras muitas coisas.

De George Moura e Sergio Goldenberg, escrita com colaboração de Flavio Araujo, Mariana Mesquita e Claudia Jouvin, Onde Nascem os Fortes tem ainda a direção artística de José Luiz Villamarim, direção-geral de Luisa Lima e direção de Isabella Teixeira e de Walter Carvalho, que também assina a fotografia.

 

Veja a mensagem de fim de ano 2021 da Globo.

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

Adicionar Comentário

Clique aqui para comentar

ATV News