fbpx
Cabo

“Grandes Evasões da II Guerra Mundial” com estreia no História

Historia &Quot;Grandes Evasões Da Ii Guerra Mundial&Quot; Com Estreia No História

Historia &Quot;Grandes Evasões Da Ii Guerra Mundial&Quot; Com Estreia No História

O canal História estreia a partir de dia 22 de outubro às 21h10 a série “Grandes evasões da II Guerra Mundial”.

Centenas de milhares de seres humanos devem a sua vida aos que aparecem neste programa. Os protagonistas são generais brilhantes, guerreiros implacáveis e homens que se ergueram e enfrentaram quando tudo parecia perdido. Contada exclusivamente através de histórias pessoais, a série recria incursões suicidas, lutas até ao limite, fugas quase impossíveis e extraordinárias operações de defesa.

OPERAÇÃO JERICÓ, dia 22 Outubro

A Operação Jericó foi uma das mais secretas da II Guerra Mundial. Nenhuma das tripulações dos bombardeiros Mosquito foi informada do seu objetivo até ao dia em que tinham de voar. A única coisa que sabiam era que se estavam a preparar para efetuar voos a baixa altitude.

 

OPERAÇÃO DOOLITTLE, dia 23 Outubro

Com toda a franqueza, a Operação Doolittle pode ser qualificar como uma insensatez. Nos inícios de 1942, os EUA estavam abalados após Pearl Harbour; a opinião pública do país exigia aos seus dirigentes que contra-atacassem os japoneses, mas, simplesmente, não podiam. A Frota do Pacífico necessitava reconstruir-se e o Japão estava demasiado longe da área continental dos EUA.

 

WINGATE E OS CHINDITS, dia 24 Outubro

A 24 de março de 1942 a diminuta 77ª Brigada de Infantaria Indiana encontrava-se rodeada por colunas japonesas na Birmânia. À frente da unidade encontrava-se Orde Wingate, cuja ideia revolucionária sobre um exército que operasse atrás das linhas inimigas, a abastecer exclusivamente por via aérea, deparou-se com um contratempo inesperado. Os japoneses estavam a apropriar-se dos seus fornecimentos, os soldados encontravam-se exaustos e a via de regresso à Índia tinha ficado bloqueada.

BATALHÕES NEGROS, dia 25 Outubro

Dezembro de 1944, batalha das Ardenas: a última e desesperada tentativa de Hitler em vencer a guerra. O seu objetivo era atravessar as linhas aliadas nos bosques das Ardenas e se dirigir depois para norte para tomar o porto de Antuérpia. Se conseguisse, as vias de fornecimento aliadas ficariam cortadas e os seus principais exércitos bloqueados. Por pouco não conseguiu.

 

CRETA, dia 26 Outubro

O general de brigada Robert Lucky Laycock foi um dos comandos militares mais temíveis de Winston Churchill. A sua inteligência e capacidade de liderança, além do seu atrativo físico, tornaram-no numa lenda entre as Forças Especiais. E foi também muito sortudo ao conseguir sobreviver à guerra: juntamente com o seu comandante de brigada, o romancista Evelyn Waugh, protagonizou uma das fugas mais famosas da II Guerra Mundial.

 

 

A RETIRADA DE MANSTEIN, dia 29 Outubro

Erich von Manstein foi o general mais brilhante de Hitler e até os britânicos o admiraram pelo seu engenho estratégico. Além disso, foi dos poucos militares nazis que se negaram a participar no Holocausto. Planeou uma das fugas mais destacadas da história bélica e ainda hoje se estuda nas academias militares. O seu engenho foi ainda maior se se tiver em conta que lutou não só contra as povoadas filas do Exército Vermelho, como também contra o próprio Führer.

KOHIMA, dia 30 Outubro

Charles Pawsey poupou na construção de uma estrada que levava até à sua garagem por uma empinada encosta. O caminho era muito deficiente e não permitia traçar algumas curvas sem ter de fazer marcha atrás. Mas, em maio de 1944, este administrador do distrito de Assam, nas Índias Orientais, viu como o Corpo de Engenheiros do Exército Britânico resolveu o problema habilitando um caminho reto até ao seu bungalow. Estava a atrasar-se a consecução de uma das fugas mais cruciais da II Guerra Mundial.

 

OPERAÇÃO PEDESTAL, dia 31 Outubro

Dudley Mason não tinha nada em especial: criado em Londres e filho de um motorista, tornou-se marinheiro aos 17 anos. No entanto, mais tarde tornar-se-ia no líder de uma das grandes ações da II Guerra Mundial e obteria também o maior dos reconhecimentos civis da Grã-Bretanha: a medalha George Cross.

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

Adicionar Comentário

Clique aqui para comentar

ATV News