fbpx
Big Brother 2020 TVI

Hélder fala sobre Edmar e Pedro Crispim reage: “Uma vergonha alheia gigante”

Hélder esteve, na noite desta sexta-feira, 5 de junho, à conversa com a “repórter” Angélica sobre as polémicas que viveu na casa. O concorrente abordou a polémica que aconteceu com o ex-colega Edmar.

“Dentro desta casa se calhar o contexto de palhaço e brincalhão […] se calhar não sirvo para algumas pessoas, mas tenho a certeza que a maior parte, 70 a 80% das pessoas aqui na casa, gostam que haja sempre um bom rapaz, um bom homem que tenha bom sentido de humor, por isso se calhar as nomeações foram mais para aquelas pessoas [que pensam que] não vale a pena termos aqui alguém tão divertido”, começou por dizer o concorrente.

Hélder reforça que não gosta de ver pessoas tristes. “Uma das coisas que mais pedia na casa era que não existissem discussões e tirar a discussão e passar para a palhaçada”, salientou.

O concorrente falou ainda sobre a polémica com o colega Edmar. “Não estava à espera de entrar aqui na casa e logo na primeira semana ser apontado por uma causa. Eu não sou contra os gays […] Custa-me, às vezes, estar a falar algumas palavras. Às vezes não gosto de estar a falar, mas é preferível falar, usar as palavras certas nos momentos certos”, afirmou.

Posso ter dado a entender às pessoas lá de fora que era uma coisa, mas não. Não sou homofóbico. Está mais do que comprovado. Não tenho nada contra os gays. Eu dou-me muito bem e tenho amigos que são. Se não gostasse realmente deles tinha reagido de outra forma ou andava sempre a reagir de outra forma”, salientou.

“Cá dentro da casa tínhamos um colega homossexual e eu não sabia a 100% que ele era, mas já palpitava. Mesmo não estando a saber que ele era, não iria usar palavras ou algumas atitudes para brincar com ele ou gozar. Apenas naquele momento usei uma frase que os portugueses costumam usar. Quem quer interpretar de uma maneira, interpreta. Eu interpreto à minha maneira”, concluiu.

Pedro Crispim já reagiu às palavras de Hélder na sua conta de Twitter: “Nem consigo fazer comentários sobre a conversa do Hélder neste momento com a Angélica, só consigo sentir uma vergonha alheia gigante…pensava que pessoas assim não existiam para além das rábulas televisivas feitas de forma brilhante pelo Herman José”, criticou.

aqui o vídeo completo da conversa entre Angélica e Hélder.

Ora veja a publicação de Pedro Crispim:

Receba todas as informações no seu smartphone.
Descarregue a App gratuita. Apple Store Download Google Play Download

ATV News