TVI

Vítor e a polémica expulsão de “Secret Story”

Pouco tempo depois de ser expulso de Secret Story, o modelo esteve presente na edição Extra desta sexta-feira, onde conversou com Leonor Poeiras.

Visivelmente abatido, Vítor começou por dizer que sente “um mix de sentimentos estranhos misturados. É triste”, até porque “não concorda com as atitudes que teve. Por isso, fez questão de pedir desculpa a todos aqueles que o apoiam, à família, e principalmente à filha.

Questionado sobre a sua atitude com Ana Isabel, o ex-concorrente revelou que “não tinha intenção de magoar” a namorada, mas que bebeu “um bocadinho”. Tudo isto foi “um acumular de sentimentos”. Por isso, e não esquecendo ainda que perdeu a memória, hoje de manhã, quando acordou, tentou falar com as pessoas mais próximas, nomeadamente Andreia, Ana Isabel e Hugo F para “saber o que se passou”.

No fundo, “não queria agredir a companheira”, mas, devido ao estado em que se encontrava, não a conseguia agarrar e acabou por agredi-la. Já com Hugo F, tudo se tratou de uma forma de o tirar de ao pé de si e da namorada, apesar de não sentir que este era uma ameaça.

Já sobre as imagens em que atira um banco, que quase acertou em Joana, passadas antes da “festa de Inverno”, Vítor lamenta que “não sejam mostradas como devem ser. Encaixaram as imagens num contexto diferente. Às vezes conta-se a forma como se quer.” O modelo garante que não é violento, que nunca teve atitudes daquelas. Apenas pegou no banco para causa a surpresa pedida pela missão que a VOZ lhe tinha incumbido. Até porque esteve sempre na expectativa que a VOZ desse a missão por terminada.

Quanto aos momentos que se passaram antes da sua saída, nomeadamente a conversa que teve com a companheira, garante que esta teve “momentos”, mas, acabaram por se entender, ficando ambos tristes. Não quis desvendar muito, até porque “é uma situação pessoal”.

Agora cá fora, Vítor quer que ninguém julgue Ana Isabel por qualquer tipo de atitudes que esta tenha tido. Lá dentro, deixou “uma concorrente valiosa”, que continua a ser sua namorada. O ex-concorrente mostrou-se ainda “aliviado” por cá fora “poder ter voz, e explicar algumas situações que se passaram com Ana Isabel. Há situações que são passadas ali que dão ideias de ser uma coisa, que na realidade não são”.

A terminar, o manequim, aludiu ainda ao facto de o terem chamado de “preto” e não ter tido qualquer tipo de reacção violenta. O que só prova que não é um homem violento. Apesar de tudo, “não se sente derrotado, porque a vida não é um concurso”. Mas sente-se “triste porque jogou sentimentos e emoções”. Vergonha é um dos sentimentos que, de certa maneira possui neste momento, mas sente necessidade de pensar em tudo o que se passou. E, como não podia deixar de ser, fez apelo ao voto em Hugo F, porque “ele merece”.

É caso para dizer, terá o discurso de Vítor sido suficiente para apagar a má imagem com que saiu da Casa dos Segredos?

Tags

/* ]]> */

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close