TVI

TVI surpreende Moniz com festa

Ontem, um grupo de amigos de José Eduardo Moniz juntou-se num restaurante de Tercena para um almoço-surpresa de forma a assinalar o 10º aniversário da TVI. Mais tarde, os funcionários do canal juntaram-se à festa.

Durante a celebração, brindada com champanhe, o director-geral recebeu uma caneta Mont Banc. Ao brinde associou-se a administração da Media Capital, Manuel Polanco, Miguel Gil, Juan Herrero e Bernardo Bairrão.

José Eduardo Moniz agradeceu a presença de todos e recordou como foi possível levar a TVI à liderança em tão pouco tempo, graças ao esforço, dedicação e competência da equipa que veio encontrar e de todos a que a ela se juntaram, constituindo hoje um grupo fantástico e uma mais-valia para a estação.

O director-geral abre a prenda perante o olhar de Manuel Polanco, um dos administradores da Media Capital

“Esta experiência de dez anos condicionou a minha vida. Estou cheio de pontos de referência desde 1998. Sobretudo, nada na minha vida passou a acontecer sem que existisse uma relação muito estreita com a minha vida profissional”, referiu José Eduardo Moniz, que classifica como o pior momento destes dez anos “a morte do jornalista Miguel Ganhão Pereira em circunstânciasmuito dramáticas”. Já a melhor recordação foi a mudança do logótipo da TVI, em Setembro de 2000. “Era a entrada de uma nova Era que se estava a materializar”, concluiu.

/* ]]> */

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close