TVI

TVI pode não renovar contrato de exclusividade com Rita Pereira

Rita Pereira 2

Fruto das recentes polémicas em que tem sido envolvida, Rita Pereira pode perder a exclusividade com a TVI e não a ver renovada. A atriz ainda exclusiva da empresa, e que tem dado cartas na representação protagonizando várias novelas do canal como Doce Fugitiva, Feitiço de Amor, Meu Amor, Remédio Santo e, atualmente, Destinos Cruzados, pode ser vítima da política de redução de vínculos contratuais da estação da Media Capital.

Segundo destaca a edição desta semana da revista Vidas, suplemento do diário Correio da Manhã, a Fernanda da primeira novela de horário nobre do canal está prestes a ver por encerrado o seu contrato de exclusividade com a TVI. A atriz de 31 anos é, de resto, uma das caras do canal que ainda usufrui deste privilégio, visto que a estação de Queluz de Baixo tem reestruturado e diminuindo a lista de caras exclusivas. Apesar de não ser oficial, uma das principais atrizes da ficção da TVI pode ser mais uma das sacrificadas e passar a pertencer ao grupo de colegas que aguardam por convites profissionais ou para eventuais idas para a RTP ou SIC.

Recorde-se que Rita Pereira proferiu, recentemente, críticas ao tempo de espera das gravações de Destinos Cruzados que não terão sido bem aceites na Plural, tal como Luís Esparteiro, diretor de conteúdos de ficção da produtora, assumiu na altura. «Realmente, houve excessos, porque os problemas não têm de vir cá para fora. Eu sou adepto de que a roupa suja se lava dentro de casa. Já falei com a Rita e ela está arrependida», disse.

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close