TVI

TVI considera participação de Ana Leal ofensiva da «boa reputação» de Judite Sousa

Judite Sousa 2011

Judite Sousa 2011

Ana Leal, jornalista da TVI, avançou com uma participação contra uma notícia sua retirada do alinhamento do Jornal das 8 no sábado de 26 de janeiro, por Judite Sousa.

Sabe-se agora que a participação enviada pela repórter ao diretor de informação José Alberto Carvalho e ao Conselho de Redação da estação de televisão foi considerada ofensiva da «dignidade e do direito à boa reputação profissional da sua superior hierárquica Judite Sousa». Tal configura, para a TVI, a violação do dever de respeito e urbanidade a que a jornalista está obrigada.

De acordo com o Público, o advogado de Ana Leal, Ricardo Sá Fernandes, informa que já apresentou a defesa da cliente e que pediu a audição de dez testemunhas, entre elas o professor catedrático em Direito Penal Jorge Figueiredo Dias, o ex-director do PÚBLICO José Manuel Fernandes, o ex-director da TVI José Eduardo Moniz, jornalistas como Adelino Gomes e Diana Andringa, dois magistrados e o presidente do Sindicato dos Jornalistas, Alfredo Maia.

  • Mario Carmo

    Antes de defenderem a Ana Leal leiam o Despacho do Ministério Publico á reportagem feita por Ana Leal -Escravatura em Loures onde esta boa jornalista ( como dizem) fez uma reportagem pondo em risco toda uma família de bem e que teria sido linchada na praça publica, não fosse a força da inocência com a resposta TVI conta a anedota do ano e a seguir os Media e os Merdia.
    Convido os intervenientes para um almoço, para lhes contar como a menina foi agressiva e malcriada.

  • XéUé

    Abaixo a Ana Leal ( des leal)… uhhhhhhhhhhh

/* ]]> */

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close