TVI

Saiba quem é quem na série «I Love It» [com fotos]

I Love It logotipo

I Love It logotipo

A estreia da nova série juvenil da TVI aproxima-se. Foi no decorrer da tarde de ontem que foi apresentada à imprensa a série I Love It, escrita pela Casa da Criação. A estação de Queluz de Baixo volta a apostar 10 anos depois da estreia de Morangos Com Açúcar num produto juvenil, agora dentro dos parâmetros dos jovens atuais.

Fique a conhecer todas as personagens e os respetivos núcleos em I Love It, que estreia a nove de setembro, às 19:00:

CASA DA BEATRIZ

1148076_565456460184883_2010298805_n

Beatriz Madeira (Mia Rose) – É uma jovem irreverente e rebelde, para quem nem o céu é o limite. A música é a sua paixão e o seu sonho, e é para ela que canaliza as suas maiores energias, criando e compondo vários temas a que também dá voz. Dá aulas de body combat no ginásio «Spa Fitness Club» e sempre fez questão de ser financeiramente independente, de modo a juntar dinheiro para poder ter uma espécie de estúdio em casa, onde compõe e grava a sua música. A crise atual levou a que a sua família tivesse de emigrar para Angola, mas Beatriz ficou em Portugal, decidida a continuar o seu trabalho na música e a manter o único bem que sobrara aos Madeira: a casa. Mas Beatriz está longe de imaginar que em breve vai ter uma nova família, sem a qual não se imaginará a viver. A sua melhor amiga é Mara e a relação das duas baseia-se numa grande cumplicidade. O coração de Beatriz é algo a que ela não presta muita atenção, mas Pedro será o primeiro a despertar nela uma paixão tão forte que lhe foge ao controlo e será quase tão inatingível quanto ela, habituado a não se amarrar a ninguém. A relação de Pedro e Beatriz começa atribulada, mas o amor falará mais alto e os dois acabam por se envolver. No entanto, terão de enfrentar Tomás e Iolanda, que de tudo farão para os separar.

Leila Barbosa (Simone Santos) – Deixou o seu país natal, Angola, e mudou-se para a casa de Beatriz. Vem frequentar o curso de Design de Moda. É uma menina mimada e rica, habituada a ter tudo o que quer e a não ter de esperar para o conseguir. A moda é a sua grande paixão e o seu sonho é ser estilista e levar as suas criações a todo o mundo. Confiança não lhe falta e acredita que vai ser uma estilista famosa. Nunca descura a sua imagem, está sempre impecavelmente maquilhada, penteada e, claro, vestida, sendo esta a sua prioridade. Adora divertir-se e nunca diz que não a uma festa, principalmente se for de gente bonita e popular. Leila vai gradualmente aperceber-se do valor da verdadeira amizade e das conquistas através do próprio esforço, tudo graças à convivência na casa de Beatriz, onde também irá descobrir o amor: vai apaixonar-se pelo mulherengo Rodolfo. O desafio entre ambos vai ser constante, mas a paixão é mais forte e acabam por iniciar uma relação. Tem um namorado angolano, mas a paixão por Rodolfo vai fazê-la quebrar as regras. No entanto, quando os seus pais descobrem, Leila vê-se obrigada a escolher entre voltar para Luanda e deixar o seu sonho para trás, ou ficar sem mesada e lutar e esforçar-se para aprender a subsistir sozinha.

Rodolfo «Rena» Macedo (Frederico Amaral) – Vem dos Açores, da Ilha de S. Miguel. É um engatatão e aventureiro por natureza, adora divertir-se e é completamente «louco» no que diz respeito a medir as consequências dos seus atos. A sua lábia junto do sexo oposto já lhe valeu inúmeras conquistas na sua terra natal, bem como hematomas e um nariz partido. Decide rumar ao continente à procura de novidades e aterra em Lisboa trazendo apenas uma mochila às costas e duas certezas: tirar a licenciatura de Multimédia e satisfazer o seu desejo de aventura. É descarado nas abordagens às «bambis», como gosta de chamar às raparigas, e já se envolveu em muitos sarilhos, mas nem isso o demove de colecionar relações. Uma das coisas que mais gozo lhe dá é filmar raparigas e intimidades, postando esses vídeos num sítio pessoal na internet que está sujeito a uma password de acesso. Acaba por se instalar em casa de Beatriz, onde a sua preguiça e pouca aptidão para as tarefas domésticas, juntamente com a sua ânsia de «curtir o momento», vão gerar confusão com os outros colegas, principalmente com a angolana Leila. Inicialmente, os dois não se entendem, mas uma paixão acaba por nascer entre eles, dando origem a uma relação tão divertida como atribulada.

Cristina Moás (Sara Barros Leitão) – É uma inocente e tímida jovem transmontana que viveu sempre na sua aldeia, nunca tendo conhecido outras regiões do país e muito menos um meio cosmopolita. Conseguiu uma bolsa de estudos para o ensino superior e escolheu vir estudar Farmácia para a grande cidade, um meio que desconhece por completo mas que sempre lhe despertou curiosidade. Nunca se entregou a ninguém pois tem o sonho de perder a virgindade com o rapaz certo. Consegue alojamento num quarto alugado, mas um imprevisto deixa-a na rua, assustada e sem saber a quem recorrer. Encontra Rodolfo, Leila e Arrison, que a acolhem e levam até à casa de Beatriz, onde se instala. Os seus dotes de cozinheira e dona de casa não vão passar despercebidos aos seus colegas, e o brasileiro Arrison vai deixar-se encantar pela sua inocência e bondade. Cristina também se começa a sentir atraída por ele e os dois acabam por se envolver. Aí, terá de lidar com a fúria de Tatiana, a ex-namorada de Arrison que, despeitada, procura vingança. Com a convivência diária com os seus novos amigos e a sua nova vida na grande cidade, Cristina vai descobrir um novo mundo e ganhar coragem para, gradualmente, sair do seu casulo.

Arrison Fordji de Souza (João Bonneville) – É um estudante brasileiro que escolheu Portugal para estudar Gestão. Os seus pais sempre adoraram o ator americano Harrison Ford, de quem herdou o nome. É cativante e o sangue latino que lhe corre nas veias faz com que seja muito caloroso com quem o rodeia. Acredita em Deus e é muito religioso, gosta de dar conselhos, mas é tolerante com quem pensa de maneira diferente da sua, pois também gosta de ser respeitado nas suas crenças. Namora com Tatiana, por quem é perdidamente apaixonado, mas, quando se muda para casa de Beatriz e conhece Cristina, percebe que o que sente por Tatiana não é amor. Arrison lutará para conquistar o coração da transmontana e ser o primeiro homem a ter o privilégio de estar com ela. Cristina acaba por lhe cair nos braços, mas Tatiana fará de tudo para arruinar as hipóteses de Arrison com Cristina. O dia a dia em casa de Beatriz ajudará a estreitar, também, os laços com Rodolfo, de quem se tornará inseparável e de quem terá de ouvir os conselhos amorosos mais inusitados. Arrison será essencial para que haja harmonia na nova dinâmica da casa, sempre apelando aos bons sentimentos dos restantes inquilinos e, com um toque de bom humor, à amizade.

Tatiana Neves (Anna Leppänen) – É uma jovem confiante e atraente que trabalha como massagista e esteticista no ginásio «Spa Fitness Club». Foi lá que conheceu o seu namorado de há seis meses, Arrison, o jovem estudante brasileiro de quem é musa. Apesar de se sentir segura da sua imagem, Tatiana não consegue deixar de sentir ciúmes de Arrison, que cativa naturalmente quem se aproxima dele, principalmente raparigas, e que tem sempre uma palavra simpática para dizer aos outros. Na verdade, Tatiana deseja que toda essa atenção lhe seja dada apenas a ela e é isso que exige ao namorado. É fiel e dedicada, mas de forma tão excessiva que é capaz de fazer uma cena de ciúmes sem qualquer razão. As constantes cenas de ciúmes com que bombardeia Arrison parecem não desgastar a relação entre ambos, mas tudo muda quando Cristina entra na vida dele. A inocente transmontana chamará a atenção de Arrison e a relação dele com Tatiana chegará ao fim. Inconsolável, Tatiana fará de tudo para reconquistar o ex-namorado, criando muitos problemas não só a Cristina, como aos companheiros de casa de Arrison.

PIZZARIA «MASSA FINA»

1097413_565456450184884_785077755_n

João Carlos Pureza (Pedro Górgia) -Neto de Dolores e irmão de Alfredo, desde sempre soube o que era pertencer a um clã respeitado. Foi criado por Dolores, que considera o exemplo máximo de liderança. Tem a avó num pedestal e o seu objetivo é ter uma família à imagem daquela em que cresceu. Ao contrário do irmão, sempre teve sucesso com as mulheres, mas acabou por se entregar nas mãos da ambiciosa Susana, que escolheu para ser a mãe dos seus filhos. É casado com ela há onze anos e juntos tiveram Rui, João e Mariana. A disciplina e rigor com que Dolores leva a sua vida são imitados por João Carlos dentro de casa, onde consegue ser um verdadeiro líder. Fora desta, deixa um pouco a desejar porque tem tanto respeito quanto medo da avó. Juntamente com o irmão, gere a discoteca «Estação Central», e é também dono da pizzaria «Massa Fina». Considera-se um homem bem sucedido a todos os níveis, mas o seu mundo vai abanar quando uma surpresa inesperada lhe bater à porta.

Susana Pureza (Patrícia Tavares) – É mulher de João Carlos, mãe de Rui, João e Mariana. Cresceu numa família humilde, com poucas posses, e sempre sonhou ter uma vida melhor, o que implicava encontrar alguém com dinheiro para nunca mais ter de trabalhar, coisa que começou a fazer muito cedo num salão de cabeleireiro unissexo onde conheceu João Carlos. Conseguiu conquistá-lo e casar-se com ele, alcançando assim a vida que tanto desejava. No entanto, quando foi apresentada a Dolores percebeu de imediato a quem teria de agradar e foi isso que tratou de fazer. Dolores nunca se deixou enganar sobre a verdadeira motivação de Susana e alertou João Carlos, mas acabou por respeitar a sua escolha porque Susana depressa se tornou a mãe dos seus bisnetos. Atualmente vive entediada com a falta de atenção que o marido lhe dá e procura alternativas para se sentir desejada. Frequenta bastante o ginásio «Spa Fitness Club» e o seu objetivo máximo é tornar-se amiga de Lurdes, para ter uma amiga chique. Irá pisar o risco, apesar de saber que tem sempre Dolores à perna, o que lhe irá sair caro quando cometer um deslize e Dolores a apanhar em falso.

Rui Pureza (Simão Santos) – É o primogénito de João Carlos e Susana, bisneto de Dolores e irmão mais velho de Mariana e João. Gosta de jogos de computador e de consola, mas nada lhe dá mais prazer do que comer. O negócio do pai é um paraíso para Rui e é o primeiro a oferecer-se para provar os pratos que sofrem alterações. É um aluno médio, mas distrai-se demasiado com comida. João Carlos confia nele para ser o guardião dos irmãos mais novos, mas estes conhecem-lhe as fraquezas, nomeadamente a esperta Mariana que, quando quer ocupá-lo para poder fazer o que mais lhe apetece, o «compra» com bolas de Berlim e palmiers. Apesar da sua aparência meiga, Rui depressa vira um toiro enraivecido quando a fome aperta ou tem de defender João e Mariana. Será um autêntico pau mandado de Mariana e o seu guarda-costas de preferência.

João Pureza (Gustavo Alves) – É filho de João Carlos e Susana, bisneto de Dolores e irmão de Mariana e Rui. É uma criança mimada pela sua família tradicionalista, mas dos três irmãos é o que tem menor espírito de clã familiar. Não tem muita paciência para os irmãos, e, quando descobre Jéssica e Rúben, deixa-se fascinar pelo mundo deles. Começa a fugir para junto deles, para os ouvir a improvisar e a cantar/tocar hip-hop. Este estilo de música faz as delícias de João e as saídas para estar com os amigos mais velhos tornam-se cada vez mais frequentes. A convivência com Rúben e Jéssica não acabará da melhor maneira, pois João vai ser descoberto e aí sente o peso da mão de Dolores.

Mariana Pureza (Matilde Miguel) – É a filha mais nova de João Carlos e Susana e a bisneta favorita de Dolores. É uma criança surpreendentemente adulta para a idade que tem. Aliás, ela prefere a companhia de adultos à de outras crianças, com as quais ela acredita não aprender nada de novo. É muito inteligente e tem uma certa propensão para manipular as pessoas de modo a conseguir os seus objetivos, uma característica que a sua bisavó aprecia e que lhe dá mais certezas de que o futuro do clã Pureza passa por Mariana. Por isso, é a escolhida de Dolores para interiorizar os valores que a matriarca tanto preza. Assim, Mariana vai passar a reproduzir os comportamentos da bisavó, com a família a servir de cobaia. Dá facilmente a volta aos seus irmãos, os quais trata com sobranceria, e consegue manipular os pais e o tio a seu bel-prazer.

Pedro Branco (Diogo Lagoa) – Cresceu num bairro desfavorecido e num lar problemático, entregue a si mesmo e a companhias pouco recomendáveis, que o puxaram para a criminalidade. Começou por pequenos furtos e acabou por cometer um crime grave, tendo sido detido pela polícia, julgado e, por ser menor, enviado para uma casa de correção. A reintegração na sociedade não foi fácil. Passou por vários empregos precários, através dos quais juntou dinheiro para comprar uma guitarra, alimentando assim a paixão que tem pela música. Mas a proximidade com o crime permanece na vida de Pedro, que lida de muito perto com Tiago, Jéssica e Rúben, jovens problemáticos com uma vivência muito semelhante à sua. Pedro toca regularmente na rua e em bares, por vezes com Iolanda, que o acompanha à voz e que gosta dele sem ele saber. Durante o dia, trabalha na pizzaria «Massa Fina», onde é colega de Mário, do qual se tornou amigo. A vida de Pedro dará uma novamente grande volta quando se cruzar com Beatriz. Os dois conhecem-se numa festa onde Pedro é contratado para tocar e entre eles surge de imediato uma inimizade que mais tarde se transformará em amor, mas que terá de enfrentar muitos obstáculos, principalmente, Tomás e Iolanda.

Mário Fernandes (Pedro Caeiro) – Trabalha na pizzaria «Massa Fina» e é amigo de Pedro. Nasceu numa aldeia do Ribatejo e, aos 18 anos, decidiu mudar-se para a cidade grande, onde sentiu que podia seguir a sua vocação, o desenho, e viver em pleno a sua orientação sexual. É homossexual assumido, bem resolvido e sem preconceitos, e gostava de um dia ter uma relação duradoura e estável. O seu talento artístico para desenhar é a sua escapatória e, no início do curso, conseguiu vender algumas ilustrações para revistas, mas, por falta de dinheiro para continuar a estudar, teve de congelar a matrícula na faculdade de Belas Artes e começar a trabalhar. Acredita que conseguirá terminar o curso e encontrar emprego na área que o preenche. Até lá, aprendeu a tirar prazer no trabalho que faz, é simpático com todos e mostra alguma aptidão para cozinhar. Tem em Pedro um amigo verdadeiro em quem sabe que pode confiar e, para Mário, Pedro nunca passará disso mesmo, um amigo, pois é assim que o vê. Conhece o passado de Pedro e não o julga pelos erros que cometeu, admira-o pela volta que conseguiu dar à sua vida.

/* ]]> */

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close