TVI

Miguel Guilherme fala de «Pingas», a sua primeira personagem numa novela

Miguel Guilherme, em «Doce Tentação» da TVI, integra pela primeira vez o elenco de uma novela ao dar vida ao sem-abrigo «Pingas». E, segundo o próprio, é com grande prazer que está a desempenhar este papel.

«Estou habituada a coisas muito duras em televisão, mas nunca tinha feito novelas. A minha personagem tem uma característica que a distingue das outras, que é o facto de não ter um décor. Gravo muitos dias, mas menos cenas, por enquanto e prefiro que assim seja.», diz o ator exclusivo da TVI à revista TV 7 Dias, a propósito da sua estreia neste tipo de ficção.

Já em relação à personagem que desempenha, o ator diz que «Este papel é muito engraçado, sobretudo porque não sei exatamente como é que o “Pingas” se vai desenvolver e onde é que vai parar. Embora consiga, através do guião, ter alguma perceção do que é que devo ir fazendo passo a passo.». E para dar vida ao papel, «Primeiro, inspirei-me no guião, naquilo que está escrito e que me leva para determinado lugar. Depois, do ponto de vista da roupagem exterior da personagem, tentei imaginar como é que eu seria como sem-abrigo e não propriamente inspirar-me nos sem-abrigo que vemos na rua, porque são todos diferentes uns dos outros. Há determinadas coisas que são comuns a todos, como é o caso dos cobertores e dos cartões em que dormem, mas de resto são todos diferentes.», conta o ator à mesma publicação. Para concluir, o Miguel Guilherme revela que «Tentei encontrar, ao mesmo tempo com a caracterização e com o guarda-roupa, a minha maneira de ser um sem-abrigo. O “Pingas” não é uma personagem realista, ou seja, não pretende de maneira nenhuma falar sobre a realidade dos sem-abrigo, nada disso. É como se fosse uma fábula.».