Resumos TVI

“Louco Amor” resumo de 28 de maio a 3 de junho

Logo Louco Amor.jpeg

Episódio 18

Júlio conta a Carlinha que Margarida está a trabalhar de noite e que com a faculdade anda sempre cansada. Ela percebe que ele está triste e pergunta se Margarida já arranjou um namorado. Ele é evasivo e desconversa, Carlinha acusa-o de estar a disfarçar mas ele não confirma o que ela já desconfia.

Graça pergunta a Rafael se já tem notícias de Leonor, mas este nega contando que a polícia só a pode procurar dois dias depois dela ter desaparecido. Rafael acusa Carlos de ter sido o responsável e conta que está a pensar em denunciar a irmã como incapaz de modo a que a possa proteger debaixo da sua alçada, assim tem a certeza de que Carlos não irá ver mais a irmã. Graça pergunta se não será muito cruel para Leonor, contudo Rafael interrompe e pergunta-lhe de que lado está.

Violeta diz a Joana que tem de lhe dar uma explicação porque saiu sem dizer nada quando foi a casa de Carlos. Joana afirma que não tem nada a ver com isso, mas Violeta faz questão e revela que ela e Carlos são amigos há muitos anos. Joana volta a referir que não tem nada a ver com o assunto e que ela não lhe deve qualquer explicação.

Tomás leva Margarida até casa e esta diz estar muito cansada. Tomás afirma que ela trabalha demais mas Margarida diz que tem de ser para que possa acabar o curso e depois regressar à terra Natal. Tomás pergunta como seria se ela se apaixonasse por alguém em Lisboa e ela afirma que não se vai apaixonar. Margarida fica boquiaberta quando Tomás lhe confessa que teve um ataque de ciúmes quando a viu entrar no bar com Júlio. Margarida, pensativa, confessa que várias pessoas lhe disseram que ele estava interessado. Tomás pede-lhe um beijo e ela num impulso acaba por beijá-lo.

Rafael diz a Onofre que não tem cabeça para conversas porque está preocupado com Leonor que desapareceu. Onofre pergunta se Carlos não saberá onde é que Leonor está e Rafael mostra-se convicto de que foi o irmão a raptar Leonor. Onofre afirma que se ele quiser consegue descobrir a morada de Carlos.

Duarte dá de caras com Margarida no café e não consegue conter-se e pergunta-lhe o que é que ela tem na cabeça para se andar a pavonear na Broadway de braço dado com outro rapaz. Margarida, ofendida, conta que Júlio é seu amigo de infância e que veio visitá-la. Duarte diz que duvida que seja amigo, pois reparou na maneira como ele a olhava. Margarida, irritada, reafirma que é mesmo o seu melhor amigo e revela que o seu namorado é outra pessoa, que ao contrário dele é sério e respeita-a. Duarte gela ao ouvir aquelas palavras e fica chocado com a revelação.

Violeta visita Carlos, que ao princípio é ríspido, mas depois acaba por a apresentar a Leonor. Esta afirma que Violeta é muito bonita, Carlos deixa as duas sozinhas e sai para comprar o almoço. Os três almoçam, Carlos pergunta a Violeta o que é que ela quer conversar com ele, ela mal abre a boca e Filipe toca à campainha. Violeta não esconde a irritação e diz que estava já de saída.

No café, Onofre apresenta-se a Óscar, todo simpático, como amigo de Carlos e diz que não consegue contatá-lo por deve ter escrito mal o número de telemóvel. Óscar explica que o telemóvel dele caiu à agua e estragou-se e dita a morada da casa de Carlos a Onofre, que na verdade era o que ele pretendia.

Rafael pergunta a Guiomar se Onofre ainda não lhe disse nada, mas o tom furioso com que faz a pergunta deixa-a indignada. Rafael olha Guiomar e diz que não tem que ficar ofendida porque ele é o patrão e está irritado por que tem de encontrar Leonor. Entretanto, o telefone toca e Onofre diz que já descobriu a morada. Rafael sai furioso e com um ar agressivo.

 

/* ]]> */

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close