TVI

Júlio César e o “Peixoto” de “Mar de Paixão”

Entrou a meio da trama, mas a sua personagem é já uma das mais conhecidas pelo público. É precisamente sobre o vilão de Mar de Paixão que Júlia César fala com a Mariana desta semana.

“Gostei da personagem. Tem o perfil dos homens que se odeiam. Agora nunca pensei que o odiasse tanto… é demais”, começa por dizer o actor, acrescentando em seguida: “Ele é o próprio vilão. Daqueles que só existem em ficção. Acho que ninguém é tão mau assim ou então sou eu que sou um ‘bonzinho’ e acredito que não há pessoas más”, frisou.

Sem fazer parte do elenco de uma telenovela desde Fascínios, Júlio César mostrou-se contente com esta oportunidade: “Tinha algumas saudades. Desde o Leopoldo que não entrava neste mundo alucinante de estar num estúdio 12 horas”. Ainda assim, o actor acredita que as suas duas últimas personagens “são completamente diferentes. O Leopoldo era um homem bom, com traumas de guerra”.

A terminar, o conhecido actor confessou que a possibilidade de participar em Mar de Paixão “partiu de um convite da Manuela Couto. Depois com a Maria Henrique falei sobre a personagem (um vilão) e cá estou eu de novo, a fazer de mau…”, concluiu.

Tags

/* ]]> */

Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. mais informações

The cookie settings on this website are set to "allow cookies" to give you the best browsing experience possible. If you continue to use this website without changing your cookie settings or you click "Accept" below then you are consenting to this.

Close