TVI

José Carlos Pereira explica o susto que apanhou em «A Tua Cara Não me é Estranha»

Poucos minutos depois da atuação de Sílvia Rizzo, como Diana Ross, na mais recente gala do programa da TVI, o mais novo dos membros do júri viu-se obrigado a sair do direto e acabou por não regressar. O assunto já deu do que falar um pouco por toda a imprensa, mas somente à revista Lux desta semana José Carlos Pereira explica, realmente, o que aconteceu.

“Quando acabei de jantar, como estava cansado, bebi um Red Bull e depois dois cafés, um a seguir ao jantar e outro antes de entrar em estúdio. Entretanto, o coração disparou e começou a bater com mais intensidade. Já estava a sentir-me mal quando o programa começou e até comntei com os meus colegas. mas tentei aguentar-me e não o devia ter feito, devia ter saído logo. E houve uma altura em que comecei a ter uma sensação de desmaio iminente e tive de sair mesmo. Tinha o coração a disparar, a disparar, achei que ia desmaiar e optei por sair cá para fora, para não desmaiar em direto. Os paramédicos viram-me logo e perceberam que eu não estava bem. Mediram-me a tensão, que estava a 18/12, dera-me um chá e como a tensão não descia, decidiram levar-me para o hospital para ver o que se passava. No hospital, a médica disse-me que eu fui parvo por ter bebido um Red Bull e dois cafés, porque aquilo provocou-me uma crise de hipertensão.”, começa por dizer, acrescentando que não teve consciência do que estava a acontecer: “Estava sentado e não estava à espera de que aquilo me acontecesse. Senti que o coração estava a disparar, e comecei a ficar cheio de calor e com a boca seca. E não estava a perceber o que é que se estava a passar. Ainda bm que saí, porque estava com a tensão arterial altíssima. Quando cheguei ao hospital, aquilo já estava a descer, mas claro que entrei em pânico, como é normal”.

A terminar, José Carlos Pereira admite que foi um susto, “mas passou. Os médicos fizeram as análises todas que tinham a fazer, e um electrocardiograma, e tudo estava normal, só a tensão é que estava alta. Medicaram-me, a tensão baixou e fui para casa descansar. Estive em vigilância 24 horas, no dia seguinte voltei a hospital para fazer análises e estava tudo normal”.

Refeito do susto, o Duarte de Louco Amor já regressou ao trabalho e amanhã estará novamente ao lado de Alexandra Lencastre, António Sala e Luís Jardim no grupo e jurados do programa apresentado por Manuel Luís Goucha e Cristina Ferreira.